Start one Permacultural Office of Resilience in Porto Feliz!

3 reseñas3

El intercambio

The Permacultural Office of Resilience Through Open-Earth is an abundant experiment in permanent culture practices and interweaving of social worlds. We want to devote efforts to the recovery and revitalization of the Capoava Colony. The foundation of a bioregional permaculture center will set measurable goals for the permaculture technologies to be implemented systemically with the residents of the Colony and the global community.


Title

16 Horas de ayuda por semana

Trabajo Social: Ayuda a la comunidad local.

Personal de Mantenimiento: Ayuda con una gran variedad de reparaciones.

Jardinería: Ayuda a plantar y cultivar plantas.


Que obtienes

4 dias libres por semana

Habitación privada: Ten una habitación privada para relajarte por tu cuenta.

Cocina tu propia comida: Siéntete libre de preparar tu propia comida aquí.

Tours gratis: No te pierdas de nada! Obtén tours gratis y explora.

Bicicletas a tu disposición: ¡Sube a mi bicicleta! Uso libre de bicicletas.

Certificado: Obtén un certificado una vez que hayas terminado tu experiencia.


Requisitos

Portugués Intermedio o Inglés Principiante

Más de 18 años


Lo que no está incluído

Vuelos, Seguro de Viaje, Transporte Interno y Visa


Programa detallado

Estamos em uma comunidade rural, há 83 casas na comunidade e somos uma vizinhança. Temos no entorno plantações de cana e eucalipto.

Queremos recuperar a área da Colônia Capoava de forma ecológica utilizando concepções técnicas em Permacultura, Tecnologias e Redes de Pessoas.

Por enquanto, as atividades são dirigidas à preparação do local para posteriormente darmos início às atividades mais amplas em vivências permaculturais. Isso significa que estamos no comecinho de tudo, então controle sua imaginação e expectativa rsrs

No momento precisamos de pessoas que ajudem na manutenção das casas que devem estar limpas e arejadas e na preparação de pequenos espaços para as hortas das casas de recepção. Iniciamos a CAPIN das Águas na Escola da comunidade, um local onde há muito trabalho para ser feito e poucas ferramentas e materiais, criatividade é necessário.