13. Alugar um lugar para viver ou pagar por hospedagem?

É melhor alugar, se hospedar ou voluntariar? Entenda todas as alternativas de moradias para nômades digitais e descubra qual a ideal para você!

19e9377e74554566d1502c7fef07ab11

Flor

Mai 01, 2020

7min

alugar-um-lugar-para-viver-ou-pagar-por-hospedagem

Tanto como nômade digital quanto como pessoa que gosta de mudar de local e trabalhar em diferentes partes do mundo, essa questão me vem à mente: devo alugar uma casa ou simplesmente pagar por acomodação nos lugares que visito? 

A verdade é que a resposta dependerá de seus objetivos pessoais ou de trabalho. No meu caso, experimentei vários tipos de acomodação de acordo com o trabalho que realizei.

Por exemplo, paguei hospedagem em um hostel para conviver com pessoas de outros países por um curto período de tempo enquanto trabalhava meio expediente. 

Eu também trabalhei em alguns hotéis ou empresas que me ofereceram hospedagem gratuita como parte do meu salário. Além disso, trabalhei como voluntária em troca de um lugar para ficar e também passei temporadas viajando e mudando de acomodação constantemente.

Pode ser mais barato ou mais confortável alugar um local de longo prazo em um só lugar, se você tiver um projeto para desenvolver que requeira ou permita que você esteja em um lugar específico, por um período de tempo. No entanto, caso você deva ou queira se deslocar de uma cidade para outra, é melhor procurar maneiras de encontrar bons preços em cada momento, pois eles podem variar dependendo da estação em que se encontra a cidade, ou país, que você quer visitar.

Em geral, se você planeja ficar em um lugar por uma pequena temporada e você não está de passagem, seria conveniente visitar esse lugar na baixa temporada, porque será o melhor momento para aproveitar os lugares com mais calma, menos turistas e preços melhores.

Quais são os lugares para procurar hospedagem?

Neste ponto, vamos falar sobre as múltiplas opções que você tem para encontrar a melhor maneira de ficar no exterior, ou seja, o mais seguro, mais econômico e que te permite realizar seu trabalho como um nômade digital.

Como sempre, digamos que um nômade digital possa ser um profissional em qualquer setor que faça seu trabalho sem depender de uma localização geográfica. Isso inclui muitos profissionais e depende sempre das possibilidades de cada pessoa e seus objetivos ao viajar. Mesmo assim existem diferentes opções para escolher acomodação quando seu objetivo é poder viajar constantemente, seja qual for o seu orçamento.

Uma das possibilidades é voluntariar em um país estrangeiro em troca de comida e hospedagem. Se você está lendo estas linhas, provavelmente já sabe como funciona a plataforma Worldpackers. Esta opção de hospedagem gratuita é uma das mais interessantes que já experimentei até agora. 

O fato de passar, desde de alguns dias a vários meses em um lugar, permite que você encontre um espaço para trabalhar confortavelmente em seu conteúdo ou negócio on-line. O número de horas trabalhadas por dia como voluntário é pequeno e os benefícios oferecidos são muito atraentes, especialmente quando o orçamento para viagens é menor.

Outra opção para os nômades que têm um orçamento muito pequeno é usar o Couchsurfing, uma comunidade on-line que conecta muitos hosts que oferecem um quarto, sofá ou cama gratuitamente. Pode soar estranho para nós que as pessoas acolham alguém sem cobrar pelo espaço para dormir em sua casa, porém é cada vez mais fácil encontrar pessoas que acreditam no intercâmbio cultural como forma de enriquecer suas vidas.

Para aqueles que procuram o conforto de um apartamento ou até mesmo uma sala privada a um preço melhor, eles também podem explorar as opções na plataforma Airbnb. Este site coloca você em contato direto com os anfitriões de uma casa que eles querem alugar e, em muitos casos, o preço é muito bom. O mais curioso é que você pode encontrar acomodações com um design incrível, no meio da natureza ou mesmo na parte antiga da cidade.

A vantagem de ser um nômade digital e passar por muitas acomodações é que sites como o Booking oferecem descontos para o grande número de reservas e até mesmo creditam algumas de suas futuras acomodações se você promover o site para seus amigos. Quando eu procuro hospedagem em hostel ou hotel, eu verifico as possibilidades oferecidas pela web e escolho as acomodações que melhor atendem às minhas necessidades e que outros viajantes tenham gostado.

Se você gosta de hostels ou albergues, o Hostelworld é o lugar onde você pode se conectar com muitos hostels no mundo todo. É possível encontrar um quarto privado ou uma cama em um dormitório compartilhado. Qualquer opção permite que você experimente a vida em comunidade.

Outra tendência que surgiu há alguns anos é se hospedar em uma casa de graça em troca de cuidar dela por alguns dias ou cuidar de seus animais e de manutenção. Hoje em dia é um conceito muito normalizado, pois muitas famílias viajam e querem cuidar de sua propriedade, embora a seleção no processo possa levar um pouco mais de tempo do que nas opções anteriores.

Quais são os sites, grupos e comunidades para procurar por moradia?

Todas as opções mencionadas acima são uma boa opção para encontrar acomodação rapidamente e por um determinado período de tempo, mas, onde posso me apoiar para encontrar uma moradia?

Após minha experiência de viver no exterior, reconheço que fazer parte de algumas comunidades em redes sociais pode ser uma grande ajuda para encontrar um bom lugar para morar. Por exemplo, no Facebook existem alguns grupos criados especialmente para ajudar quem está procurando um quarto ou uma casa e as pessoas são sempre muito colaborativas para ajudá-lo.


viajantes juntos em co-living

Co-living e suas vantagens para um nômade digital

O conceito de co-living ou moradia compartilhada se refere à opção que muitos profissionais escolhem de viver em comunidade ao mesmo tempo em que desenvolvem seu trabalho, sendo essa uma evolução do que Brad Neuberg chamou de co-working. 

Se o co-working permite que você trabalhasse em um espaço compartilhado com outros profissionais, não necessariamente do seu próprio setor, o co-living permite que você dê um passo adiante, vivendo com as pessoas com quem você também compartilhará seu espaço de trabalho.

Se o fato de não trabalhar no escritório e trabalhar remotamente o torna mais fluido em termos de criatividade, ser capaz de conviver com outros profissionais e compartilhar outros aspectos de sua vida também criará um ambiente muito dinâmico que será refletido em seu trabalho.

Mais e mais acomodações estão oferecendo espaços para co-working e co-living, e, portanto, os nômades digitais podem ter acesso no futuro a muitos lugares que lhes permitem viver com outros profissionais, mesmo por um período limitado de tempo. 

Embora seja uma tendência que se tornou uma preferência para muitos, especialmente nas grandes cidades, ela está se expandindo globalmente também em cidades pequenas ou vilas.

Dicas para pesquisar antes de confirmar a moradia em algum lugar 

Existem alguns fatores a considerar antes de escolher a casa ou acomodação. 

Primeiro, como mencionado acima, devemos levar em conta a segurança. Se hospedar em um local seguro é essencial para o nosso bem-estar e para evitar qualquer incidente com nossa equipe de trabalho, seja computador, smartphone, tablet, câmera digital ou outros.

Também a localização é algo importante que eu valorizo antes de reservar uma hospedagem, porque se eu for para uma cidade onde eu preciso estar conectado com tudo, o fato de estar muito próximo do centro será uma das razões mais importantes para selecioná-la. No entanto, em muitas ocasiões, também queremos ficar longe da loucura do centro turístico para trabalhar com calma.

A limpeza é outro fator de grande importância antes de confirmar uma acomodação. O testemunho de outros viajantes sempre ajuda a ter uma idéia do que você pode esperar de um lugar. Quando as pessoas valorizam um local com ótima pontuação e deixam bons comentários, é difícil encontrar algo totalmente diferente na sua chegada.

Também é importante prestar atenção às instalações que ela pode oferecer, como espaços de trabalho ou salas de estar, porque ali passaremos parte do nosso tempo trabalhando online. Finalmente, devemos valorizar o preço, levando em conta todas essas condições. Este último é a característica definitiva a levar em conta na escolha da acomodação.


Guia (ebook) de nomadismo digital da Worldpackers

Para concluir este capítulo, gostaria que você refletisse sobre o fato de que pode não haver lugares melhores do que outros para visitar ou passar uma temporada como nômade digital, mas que tudo isso dependerá de sua experiência pessoal. 

Há muitos fatores que muitos viajantes podem concordar, mas outros dependerão apenas de você. 

O clima, o idioma, o visto de acordo com o seu país de origem, estilo de vida, gastronomia e cultura, podem ser fatores que podem conectar individualmente mais ou menos com você dependendo do país, portanto, antes de passar uma temporada, informe-se bem e decida se é ideal para você.

Agora você já sabe o caminho que precisa percorrer para se tornar um nômade digital com sucesso!

Vá aos poucos, no seu ritmo e quando se sentir preparado para tomar as suas próprias decisões. Criamos aqui um eBook sobre como projetar o seu planejamento financeiro para viagens de curto e longo prazo, o que pode te ajudar a ter uma melhor organização antes de ir.

E se você quiser se aprofundar ainda mais sobre o estilo de vida nômade e aprender sobre como ganhar dinheiro viajando, preparamos cursos que orientam para essa jornada.

Boa sorte na jornada e conte sempre com a comunidade Worldpackers para te ajudar!