Categorias

9 coisas que aprendi sendo Worldpacker na natureza

Passar um tempo longe da cidade onde nasci e fui criada me deu outra perspectiva sobre a forma como levo a minha vida. Compartilho com vocês o que aprendi nesse processo todo como worldpacker na natureza!


0061419f0feacf5dd2c5f930660dbac6

Carolina

Nomadic traveler, love worker! Sharing my experiences to inspire people to live the life they lo...

Ago 08, 2018

voluntária em projeto de impacto social

1. Viver o presente

Na natureza não existe passado, presente ou futuro. Quando você está com fome, come, quando sente sono, dorme, se uma onça aparecer, corre. Embora meus vizinhos fossem cobras e aranhas nenhuma onça deu as caras.

O relógio é o sol, o canto dos pássaros pela manhã, seu próprio corpo te dizendo o que precisa. Você se torna menos racional e mais instintivo.

Aprende a viver o presente e se dá conta de que ele é a única coisa que existe.

2. Ser altruísta

Quando totalmente imersos na natureza, vivendo em comunidade, aprendemos que às vezes temos que comer menos para que todos possam comer, mesmo quando não estamos totalmente saciados.

Você entende que cada pessoa tem seu próprio tempo e ele pode ser muito diferente do seu, isso te leva a caminhar em passos mais lentos de vez em quando, porém, sempre respeitando o seu ritmo pessoal.

Aceita que nem todos os viajantes desejam seguir a mesma rota e isso se aplica à VIDA em geral.

3. Amar seu corpo físico

Desde os primeiros passos para dentro da natureza seu corpo todo se altera, você desacelera e passa a prestar atenção no ambiente ao seu redor. É preciso estar atento para não pisar em uma cobra ou bater a cabeça nos galhos, durante a noite sua visão se adapta para que você consiga enxergar o caminho à frente.

Você percebe que seu corpo fica mais ágil e forte à medida que os dias passam, assim como sua mente, já que é preciso tomar decisões imediatas e estratégicas, no caso de uma onça fazer uma visita inesperada ou se surgir a necessidade de mudar a direção.

Você percebe que cada parte do seu corpo tem sua função e que é fundamental que todas elas estejam funcionando em perfeita harmonia.

Você deixa de dar tanta importância para a sua aparência, entende que seu corpo é muito mais do que apenas um reflexo no espelho e é ele que vai te levar a lugares incríveis.

AME E CUIDE de cada parte do seu SER.

4. Amar sua mente

No começo até achamos que estamos enlouquecendo, quando percebemos que existe outro estilo de vida totalmente diferente daquele que nos acostumamos. O processo de quebrar padrões pode ser doloroso, mas vale a pena.

Desde que nascemos nos dizem o que devemos fazer, a sociedade exige algo de nós que muitas vezes não corresponde aquilo que faz nosso coração vibrar de alegria.

Na natureza isso não existe. Você sente mais do que pensa, entende quem você é em sua forma mais genuína e sua verdadeira missão de vida. Embora de vez em quando sua mente te traga o medo embrulhado em papel de presente, você entende que isso é uma forma de autoproteção.

Em uma conversa interna você diz que tudo vai ficar bem e que vocês podem ser felizes vivendo assim também, então fazem as pazes e buscam pelo equilíbrio.

5. Tudo é cíclico

As folhas caem no outono, as árvores fortalecem suas raízes no inverno, em tempos de escuridão e chuva, e voltam a florescer na primavera. Assim como em nossas vidas, temos dias ruins, de choro e tempestade interna e sabemos que amanhã estaremos mais fortes e sorrindo pelos dias ensolarados que sempre chegam.

6. A lei do retorno é real

Se você plantar uma semente, uma árvore vai nascer. Se plantar nada, não colherá as flores.

Sempre existirá alguém que compartilhará os frutos com você e isso te impulsionará a semear sua própria semente e inspirar outras pessoas a fazer o mesmo.

7. Para voar é preciso ir contra a corrente

Nós queremos (e podemos!) realizar todos os nossos sonhos, mas isso significa que vamos falhar muitas vezes e assim como os pássaros, para realizar nosso show aéreo, será necessário voar contra a corrente de ar a fim de pegar impulso.

Não tenha medo de decolar.

8. Ser você mesmo

Na natureza ninguém te julga, não sabem nada sobre sua vida a não ser o que você compartilhar. Não somos as roupas que usamos, os lugares que frequentamos, o nosso trabalho, a nossa casa, carro ou família.

Na natureza não existe o pronome possessivo SEU/SUA. Você apenas É, explora seu potencial criativo e se transforma na melhor e mais autêntica versão do seu ser.

cachorro vendo o mar no por do sol

9. "A felicidade só é real quando compartilhada"

Quem já assistiu “Into the Wild” (Na natureza selvagem) conhece a famosa frase de Alex Supertramp.

A natureza é magnífica e nos ensina muitas coisas, poder dividir essa experiência com outros seres humanos é a melhor parte. Precisamos das outras pessoas como espelhos para refletir quem somos e saber que não estamos sozinhos nessa viagem maluca pelo planeta terra.

Compartilhar sonhos e medos, se divertir, colaborar, encorajar, aprender, ensinar, dividir estórias e conhecimento e principalmente AMAR.

Se você está pensando em ser Worldpacker na natureza e quiser trocar uma ideia, chama no chat! Ficarei muito feliz em colaborar ;)


0061419f0feacf5dd2c5f930660dbac6

Carolina

Nomadic traveler, love worker! Sharing my experiences to inspire people to live the life they lo...

Ago 08, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar carolinacruz saber :-)


Comentários