Categorias

Como eu decidi me tornar uma Nômade Digital

Worldpackers_Nômade Digital

Desde que eu era pequena, eu sabia que queria morar no exterior algum dia. Depois de quase me mudar algumas vezes – mas ter de cancelar por diversas razões – eu me encontrei morando com o namorado perfeito em uma casa linda, mas ainda na mesma cidade na qual eu cresci, com uma sede de viajar que só aumentava.

Eu percebi que nunca seria feliz ficando onde eu estava, então eu decidi largar meu emprego de 8h por dia e aumentar meus freelas com clientes online para que eu pudesse realmente me mudar para o exterior e levar meu trabalho comigo. No entanto, ao consegui-lo, eu descobri que poderia viajar a qualquer lugar que eu quisesse em vez de me mudar para somente um local. Então, cá estou eu, viajando para qualquer lugar me dê vontade.

Comparado a descobrir e planejar tudo sozinha, viajar com a Worldpackers é, definitivamente, uma opção mais segura. Eu acho que, para muitos nômades digitais iniciantes, ainda é assustador não saber se você vai conseguir pagar o aluguel durante os primeiros meses. Com a Worldpackers, você não precisa se preocupar com isso, o que torna tudo muito mais fácil. Você consegue sua hospedagem sem custos muito altos e, ao ler as avaliações, você sabe exatamente o que esperar de cada anfitrião.

Como uma nômade digital, decidi ajudar meu anfitrião de manhã, usar as tardes para meus próprios clientes e aproveitar as noites e finais de semana como eu bem quisesse. A maioria dos nômades digitais que eu conheço prefere gastar seu dinheiro com experiências ao invés de hospedagem, e a Worldpackers é perfeita neste caso.

O que fez com que a minha experiência fosse única, sem sombra de dúvida, foram as pessoas. Meu anfitrião ficava em Tenerife - Espanha e, além de uma escola de idiomas e de marketing, eles também oferecem espaços de co-working, que era de onde eu trabalhava. Eu também aluguei um carro, então toda semana nós viajávamos a diferentes partes da ilha.

Para mim, a coisa mais fantástica foi, de longe, o fato de que aquele bando de loucos me incentivou a começar minha própria revista online para nômades digitais chamada The Travelling Freelancer e todos me ajudaram muito. Eles escreviam sobre a minha revista, compartilhavam ela com amigos, contribuíam com artigos, qualquer coisa que eles pudessem, e tudo isso foi totalmente emocionante. Eu estou rodeada por todas essas pessoas que são parecidas comigo, de todas as partes do mundo. É uma das experiências mais inspiradoras e energizantes que eu já tive na vida.

Essa experiência causou um grande impacto na minha vida pessoal ao se tornar muito, muito claro para mim que é isso que eu quero seguir fazendo. Eu deixei para trás muita coisa para poder fazer isso e tudo poderia ter se revelado um erro, mas estar aqui me fez perceber que foi a melhor decisão que eu tomei em muito tempo.

Pela worldpacker Thalassa van Beek de The Travelling Freelancer


Curtiu? Mande um Obrigado! Dúvidas? Comente :-)


Comentários