Bônus: como ganhar dinheiro durante a viagem?

Descubra todas as formas de ganhar dinheiro durante a viagem e como encontrar possibilidades de trabalho ou freelancer no seu destino.

2ca35526b113b3eea903aee342cdcc2b

Carolina

Abr 17, 2020

5min

como-ganhar-dinheiro-durante-a-viagem

Preciso ter características únicas e especiais para me adaptar a esse estilo de vida nômade? A resposta é não. Você só precisa estar aberto a mudar sua forma de pensar.

Trabalhei durante todos os meus 11 anos de vida profissional em escritórios, o dia inteiro sentada na frente de um computador. E de repente me vi aprendendo a ser garçonete, a costurar, fazer drinks, vender tours, escrever, cozinhar. 

É preciso ter criatividade. Todos nós temos muitos talentos para desenvolver qualquer coisa para ganhar dinheiro, mas talvez pela vida mecânica que somos ensinados a levar, estas habilidades são podadas. 

Também é necessário ter flexibilidade, pois às vezes em uma viagem você precisará abrir mão de algo porque precisa parar um pouco para trabalhar ou gastar menos até que se capitalize novamente. 

Além disso, considero super importante ser humilde e entender sua posição em todo este processo. Não é porque você tem duas graduações e um MBA que você não tenha o que aprender com a senhorinha que cozinha na rua em Cartagena, com o bartender de Cusco ou com o amigo que você fez no bar no Atacama. Além disso, coloque um sorriso no rosto e busque sempre amigos locais e pessoas bacanas que possam orientar sua estadia no país!

Falando agora mais de atribuições práticas do viajante que quer ganhar dinheiro enquanto viaja, a procrastinação precisa ser mantida longe acima de qualquer coisa. Em uma viagem você normalmente conhece muita gente, recebe muita informação, se dispersa e perde o foco facilmente. E aí vem os prazos não cumpridos, falta de concentração para gerar material de qualidade, desorganização.

Então é preciso ter em mente que manter o mínimo de disciplina (isso inclui maneirar no uso das redes sociais) e organização através de bullet lists, aplicativos, agendas, lembretes. Seja o que for que te ajude a cumprir as coisas no tempo acordado. Cumprir prazos é essencial! Até porque pode ser que você esteja começando uma nova jornada profissional (seja online ou presencial) e, por isso, você precisa ter o máximo de responsabilidade e estar presente de corpo, mente e alma.

Como o nosso guia está chegando ao fim, já deixo a dica para, na sequência, você assistir a Playlist: Como ganhar dinheiro durante a viagem, com uma série de vídeos com relatos de outros viajantes nômades e suas infinitas formas de fazer uma grana na estrada!

Quais formas existem para trabalhar e ao mesmo tempo viajar?

As formas para ganhar uma grana enquanto viaja são quase infinitas! Se você pensar que para trabalhar enquanto viaja, você precisa de espaço, coisas e situações que existem em qualquer canto do mundo.

  1. Comida, fazendo ou servindo: já pensou em fazer delícias típicas do Brasil e vender pelo mundo? Além de fazer um dinheiro você ainda compartilha sua cultura.
  2. Turismo, como atendimento ao cliente, vendas ou guia turístico: qualquer lugar que tenha um apelo turístico bem forte, você terá êxito. Eu trabalhei durante 2 meses e meio em San Pedro do Atacama em uma agência de turismo e foi uma experiência super interessante, além de ter feito dinheiro para seguir viagem depois.
  3. Esportes, como ensinar surf, yoga ou capoeira: você pode aproveitar a estadia em algum hostel como voluntário e oferecer aulas aos hóspedes no seu tempo livre.
  4. Bartender, fazendo ou servindo drinks em bares, pubs: de quebra ainda se diverte nas festas.
  5. Online, produzindo textos, editando vídeos, vendas ou qualquer coisa que se possa realizar remotamente apenas usando um notebook e internet. Óbvio que não é todo mundo que nasce com talento para escrita, porém esta habilidade pode ser desenvolvida com o tempo, dedicação, muita prática e bons hábitos de leitura. Recomendo muito tirarem o Certificado de Travel Writers da Worldpackers para dar o primeiro passo nessa jornada!
  6. Ensinar idiomas através de aulas em escolas ou até mesmo particulares. Inclusive você pode ensinar seu próprio idioma! Conheci muita gente na estrada com interesse em aprender português. Você pode trabalhar também como tradutor de textos (cobrando por palavra) ou intérprete simultâneo em reuniões de negócios. Porém, dependendo do lugar ou empresa para a qual você escolher trabalhar, pode ser que exijam uma habilitação formal em língua estrangeira que comprove seu grau de fluência, como um exame de proficiência (TOEFL ou IELTS, por exemplo).
  7. Fotografia, tirando fotos, tratando e vendendo seja para sites ou pessoas.
  8. Música, mostrando todo seu talento com instrumentos ou com o gogó na rua e/ ou em bares e restaurantes.
  9. E se você tem talentos manuais, pode criar e vender artesanatos, como pulseiras, colares, bolsas, etc.
  10. Pensou em alugar sua casa enquanto viaja? Você pode anunciar sua casa em plataformas como Airbnb, por exemplo.
  11. Seja um cuidador de pets! Hoje em dia há uma infinidade de sites onde você se cadastra, recebe hospedagem e ainda é remunerado para cuidar de algum cachorrinho ou gatinho.

Mais uma vez, a criatividade tem que ser colocada pra jogo! E a observação do mercado em que se está. 

A cidade/país a ser escolhida para ganhar dinheiro é muito importante também. 

Você pode até gostar de viver no Peru e, por isso, acredita que ali pode ganhar um dinheiro e ao mesmo tempo viver bem em alguma região que goste. Mas na prática não é assim, pois dificilmente um turista mochileiro vai achar um trabalho que te remunerem minimamente bem por lá, exceto se você tem grande parte da sua renda proveniente  de trabalhos remotos/online, aí vale a pena estar em um lugar barato. Caso contrário, não. 

O ideal é buscar países dolarizados, com o custo de vida maior e/ou onde você sabe que os turistas possuem um poder aquisitivo maior que o seu e então viajam com mais conforto e gastando mais. Lugares assim são para trabalhar e ganhar dinheiro para seguir viagem. 

É indispensável considerar também uma renda complementar na sua viagem, ou seja, ter suas economias desde que começou a viajar, ter trabalhos remotos/online, trabalhos como garçom/garçonete, vendedor de tours, nas horas vagas preparar lanches para vender na rua na hora de pico, etc. Obviamente você não precisa encarnar o polvo e pensar que tem 8 braços para fazer tudo, seria esgotante. 

E a intenção de trabalhar enquanto viaja não é a de estressar-se, concordam? Mas acho interessante adotar essa estratégia.

Planejamento e economia na viagem

Acesse agora esse conteúdo e mais 210 aulas da trilha exclusiva da Academy e aprenda como ter um estilo de vida com mais liberdade e propósito.