mulher caminhando em pedra no alto de uma Chapada

Amo viajar! Viajar de carro com meus pais Brasil afora desde pequena me trouxe esse sentimento delicioso e hoje esse prazer faz parte do que eu me tornei.

Essas experiências desde muito nova, junto com esse amor por viagens, me levaram a cursar a graduação em turismo. Assim eu poderia estar sempre nessa área, conhecendo lugares, estudando culturas e apreciando tradições, mesmo que fosse por trás da tela de um computador.

Me lembro de ainda na época da escola de ir a essas feiras organizadas pelo Ministério do Turismo só para ver os stands, destino por destino, pegar todos os panfletos, chegar em casa e ficar lendo e viajando nas imagens.

Desde o início da faculdade sempre gostei de acompanhar blogs de viagem, revistas, sites e jornais com matérias sobre destinos e as notícias do trade.

Um dia, enquanto eu ainda estava na faculdade, tive a oportunidade de conhecer a Chapada dos Veadeiros. Uma simples viagem de um feriado prolongado que foi o início de mais um ciclo da minha vida. 

Com diversos tipos de pensamentos e questionamentos relacionados à vida, emprego, empresas e pessoas, as trilhas e cachoeiras da Chapada dos Veadeiros me fizeram esquecer tudo, todos os problemas.

Imagem de uma cachoeira com uma piscina natural de agua azul e vegetação ao fundo

Em meio a tantos aprendizados na Chapada, me questionei: “Por que eu não li sobre isso antes? Por que não li isso em lugar nenhum?”. Então me veio a ideia de começar a compartilhar todas as experiências e vivências novas que eu estava tendo ali.

Voltando de viagem, eu estava tão animada em mudar de vida que as minhas pesquisas no Google eram: “Chapadas Brasileiras” ou “Como fazer um blog”. Também buscava por espaço para escrever em outros blogs já consolidados, para adquirir novas experiências.

Com o tempo fui publicando posts em blogs parceiros, criei um primeiro layout de blog Alma Viajante e já havia decidido meu próximo destino, que seria a Chapada Diamantina, para passar 15 dias lá através da Worldpackers.

Passei 15 dias incrivelmente maravilhosos na Chapada Diamantina. Ao voltar, a vontade de compartilhar experiências e mostrar para o mundo que é possível viajar com pouco e ter experiências enriquecedoras só aumentava dentro de mim. Comecei a me dedicar bem mais ao blog, layouts, pautas, textos e fotografia. 

Imagem de uma mulher com jaqueta e gorro em primeiro plano e ao fundo uma cordilheira

Cerca de dois meses depois, insatisfeita com o emprego que estava, fui demitida. Isso foi o ponto crucial pra me dedicar integralmente e fazer acontecer o projeto que já estava dentro de mim. Três meses depois de muito trabalho, o blog foi ao ar, em outubro de 2016, e até hoje trabalho somente com isso.

Desde então, o intuito do blog Alma Viajante é compartilhar informações e inspirar cada vez mais pessoas a verem as belezas e sentimentos que os lugares transmitem. Mostrar que por mais simples que sejam as experiências, sempre tem algo que nos modifica e nos faz enxergar o mundo com outros olhos. 

Hoje a missão do meu blog é mostrar que é possível viajar para lugares simples e ter experiências engrandecedoras. Você pode acompanhar meus relatos e dicas por lá ou agora aqui pela Worldpackers :-)


Bf5915b101170546565f2add5a1970e0

Juliana @ju.almaviajante

Turismóloga por formação e viajante por opção, sempre tive sede pelo novo, o diferente e o exótic...

+ Ver mais

Out 11, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Juliana @ju.almaviajante saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor