Categorias

10 destinos incomuns na Europa para um roteiro de 15 dias

Sonha em fazer aquela Eurotrip, mas não sabe por onde começar? Quer fugir do obviamente turístico? Então vem comigo que vou dividir com você um pouco da minha experiência através de um roteiro de quinze dias por algumas das minhas cidades favoritas.


51c96d0697577e2e692c7df12dd1ef11

Torisa

Nascida em Taiwan, criada no Brasil, morando atualmente em Taipei. Estou viajando e me mudando po...

Ago 08, 2018

Destinos incomum para um mochilão na Europa

1. Irlanda: Dublin

Tempo mínimo recomendado: 2 dias

A Irlanda é um país que está indubitavelmente no fundo do meu coração para todo o sempre e pode até parecer suspeito a minha recomendação, mas garanto que você só precisará conhecer alguns irlandeses, as suas ruas, pubs e o país te conquistará pelo charme e alegria!

Para melhor proveito, recomendo embarcar em tours turísticos oferecido pela empresa Paddywagon partindo de Dublin; um para o famoso Cliffs of Moher e outro para Giant’s Causeway.

Existem inúmeros outros tours pela Irlanda e te garanto que todas elas irão tirar o teu fôlego, mas essas são as minhas prediletas. Se possível, tente visitar a ilha esmeralda durante a primavera e o verão; dificilmente você encontrará uma paisagem e a paleta de cores do azul do céu, o azul do mar e o verde que tire o teu fôlego como na Irlanda.

Voltando do tour, descubra o melhor da vida noturna que Dublin tem a oferecer pelos principais marcos turísticos como a O’Connell Street, Parnell Street, Ha’penny Bridge e os pubs ao redor do famoso Temple Bar.

Irlanda é um país cheio de surpresar para colocar no roteiro pela Europa

2. Escócia: Edimburgo

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

É possível descobrir Edimburgo em 24 horas, mas tenho certeza que você vai desejar ter mais tempo nessa cidade escocesa pitoresca cheia de mitos, magia e cultura.

Você sabia que Edimburgo foi construída em cima de outra cidade que foi coberta devido à peste negra? Se você quiser saber um pouco mais dessa história, recomendo desembolsar um valor extra e participar do tour oferecido na Mary King’s Close.

Além da história, dos castelos e da arquitetura gótica, a cidade torna-se ainda mais mágica com a hospitalidade de alegria dos escoceses! Tenho certeza que você vai se apaixonar por esse país, se sentir num conto de fadas e querer voltar, assim como eu.

Edimburgo é mais uma cidade charmosa para o roteiro de viagem na Europa

3. Holanda: Rotterdam

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Capital holandesa da arquitetura, a cidade se destaca pelo contraste arquitetônico harmonioso do passado com o presente através de pontos icônicos da cidade como as Casas Cubo que prometem intrigar os visitantes.

Caso você não seja fascinado pela arquitetura, que tal se deliciar com a gastronomia no mercado de Rotterdam, o Markthal? O mercado possui um teto artístico deslumbrante e conta com sabores do mundo todo.

Se estiver se sentindo um pouco mais aventureiro, não deixe de experimentar o sanduíche de arenque cru acompanhado de uma cerveja local e me conte depois o que achou.

Alugue uma das bikes holandesas e visite todos os pontos turísticos sob 2 rodas finalizando o dia com uma belíssima vista panorâmica gratuita do alto do prédio Maastoren. É só atravessar o rio pela Erasmusbrug que você verá as três torres do prédio ao fim da ponte. 

Rotterdam é símbolo da arquitetura holandesa

4. Bélgica: Ghent

Tempo mínimo recomendado: 2 dias

Descobri Ghent por mero acidente e tive a prova de que o melhor acontece quando menos esperamos. Cortada pelo rio Lis e inúmeros canais, a cidade conta com a preservada arquitetura em contraste com o jovem e moderno.

Menos badalada, porém não menos charmosa que Bruxelas, vale a visita com direito a experimentar as deliciosas cervejas belgas acompanhada das famosas batatas e autênticas waffles com cristais de açúcar à beira do rio próximo à ponte Grasburg.

De lá, recomendo visitar Bruges, que é considerada por muitos como uma mini Ghent; cá entre nós, eu prefiro muito mais Ghent. 

praça central de Ghent

5. Alemanha: Heidelberg

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Fronteira com a França, Heidelberg vai te conquistar pela simplicidade, tranquilidade e vivacidade com as suas ruas repletas de restaurantes e bares.

Além disso, conta com um castelo, uma ponte e um pôr-do-sol magnífico visto do Philosophers Walk, precisa de mais? 

A Alemanha tem pequenas cidades que não podem ficar de fora do roteiro para Europa

6. Suíça: Kandersteg

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Localizado na região de Berna, esse tranquilo resort de férias é um paraíso para os amantes de trilha. Charmosa e com características de pequeno vilarejo com chalés de madeira, recomendo fazer a trilha para ver o maravilhoso azul turquesa do Lago Oeschinen, circundada pelas montanhas com neve eterna.

Além disso, você pode deslizar pelos Alpes através do famoso escorregador alpino. 

Dica: a segunda vez é sempre melhor. 

Vilarejo na Suíça promete ser surpresa no roteiro Europa em 15 dias

7. Itália: Verona

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Essa adorável cidade medieval é famosa pela especulação em ter sido palco da inspiração da tragédia shakesperiana Romeu e Julieta. A Casa de Julieta se encontra no centro da cidade e atrai multidões para a sacada onde Romeu supostamente declamou o amor a Julieta.

O que conquistou o meu coração nessa cidade foi a Arena di Verona, localizado na Piazza Bra. É um mini coliseu incrivelmente preservado mantendo uma acústica fenomenal, palco de inúmeras óperas. Tive a oportunidade de presenciar um ensaio quando fui visitar e o som se estende pela praça repleta de restaurantes e cafés. É emocionante! Essa cidade promete te teletransportar para o passado.

estátua de Julienta

8. Itália: Firenze

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Sei que você deve estar se perguntando o motivo de Firenze estar nessa lista quando prometi compartilhar o menos óbvio. Existe só uma razão que vou revelar no fim desse parágrafo.

Centro da arte renascentista com obras de Leonardo da Vinci e Michelangelo, Firenze é pequena, porém tem muito a ser explorado.

Com vistas de tirar o fôlego no cartão postal da cidade Ponte Vecchio, a cidade possui outro ponto menos frequentado, mas com um dos mais lindos pôr-do-sol que já vi. 

É no San Miniato al Monte, em frente à igreja, que você vai adorar se acomodar e apreciar a vista da cidade inteira aos seus pés vendo o sol se despedindo lentamente e iluminando o topo do Duomo.

Firenze e seu charme é uma ótima ideia para o roteiro Europa em 15 dias

9. Áustria: Salzburg

Tempo mínimo recomendado: 2 dias

Berço do compositor Mozart, Salzburgo é uma cidade pequena a três horas de trem de Viena.

Comece o tour visitando o Mozartplatz, que se transforma em uma pista de patinação no inverno, suba até a Fortaleza Hohen para ter uma vista deslumbrante da cidade, visite o Mosteiro de São Pedro, que possui um antigo cemitério e catacumbas, vá à Igreja dos Franciscanos, a Catedral de Salzburgo e Complexo DomQuartier, que se transforma num charmoso mercado natalino ao fim do ano, caminhe pela Rua Gatreidegasse e pela ponte dos cadeados e termine visitando os Jardins de Mirabell.

Vale a pena passar uma noite descobrindo os bares em Salzburgo e seguir viagem para Hallsttat no dia seguinte de carro ou de trem e ônibus. Pode parecer muito trabalhoso e confuso no início, mas não tem erro e você não vai se arrepender!

Hallstatt, declarada como patrimônio histórico pela Unesco, é outra cidade pitoresca cheia de charme que fará você se sentir num conto de fadas. Parece exagero, mas a cidade é tão cativante que os chineses resolveram fazer uma réplica dela em Luoyang, China.

Famosa por ser destino de muitas day trips, especialmente pela hospedagem de alto custo, o melhor a se fazer na cidade é caminhar por suas ruas e praças admirando a arquitetura e a bela paisagem ao redor do lago e se perder. Durante o verão, recomendo alugar um pedalinho e aproveitar a vista da cidade do lago. Já no inverno, Hallstatt se transforma na mais perfeita cidade com os telhados cobertos de neve e o lago congelado parecendo uma pintura de tão linda que se torna. 

Áustria é um país pouco visitado e que vale a muito a pena incluir no seu roteiro pela Europa em 15 dias

10. Polônia: Cracóvia

Tempo mínimo recomendado: 1 dia

Se você não tiver interesse em conhecer o campo de concentração Auschwitz e a Mina de Sal de Wieliczka, é possível aproveitar a cidade em 24h. 

Antiga capital do país, as suas principais atrações turísticas estão concentradas no centro e é possível fazer tudo à pé. Comece na Praça do Mercado, visite as feiras, igrejas e se perca em suas inúmeras ruelas, você vai sentir que a cidade parece que parou no tempo. Termine o dia visitando o Castelo Wawel, onde é possível caminhar pelas muralhas com uma vista maravilhosa da cidade. Conta a lenda que a população de Cracóvia se originou dos filhos entre a princesa Wanda prometida ao sapateiro que salvou a cidade de um dragão.

Cracóvia é uma cidade história e leva o viajante ao tempo medieval

Esta é uma pequena lista de alguns dos meus lugares prediletos pela Europa. É possível seguir ela à risca e ter uma viagem inesquecível em duas semanas com flexibilidade de dois dias. Se quiser mais dicas sobre estas e outras cidades é só me mandar uma mensagem que terei o maior prazer em te responder. Boa viagem! 


51c96d0697577e2e692c7df12dd1ef11

Torisa

Nascida em Taiwan, criada no Brasil, morando atualmente em Taipei. Estou viajando e me mudando po...

Ago 08, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Torisa saber :-)


Comentários