Carol na Califórnia

Decidi que 2018 seria o meu ano para viajar, realizar o que sempre quis e poder conhecer o mundo, só tinha um problema: meus pais estavam desempregados e eu não tinha 30 mil reais na conta para bancar minha viagem por uma agência comum. Foi aí que quase por um milagre divino ( e minha força de vontade) encontrei a Worldpackers.

Decidi me inscrever no site e fazer aplicações para os EUA, um dos lugares mais cobiçados pelo mundo inteiro. Minha escolha teve base no meu principal objetivo: melhorar o inglês. Comecei a navegar pelo site e meus olhos brilhavam a cada possibilidade de escolha que eu tinha, vi que poderia viajar o mundo inteiro, conhecer muitas pessoas e histórias, e o melhor ainda, poderia fazer isso com o meu próprio dinheiro, sem ter que pedir ajuda para os meus pais.

Recebi respostas de alguns hostels da América onde fiz minhas primeiras aplicações, mas meu coração ainda estava esperando o contato do anfitrião do Hostel On 3rd, bem no centro de Downtown, na Califórnia, por isso escolhi não fechar com nenhum anterior, sabia que em algum momento eu teria a chance de ir exatamente para o lugar que queria.

Foi então que em uma quarta feira qualquer, eu saindo do banho me imaginando nas ruas da Califórnia (em pensamentos), meu celular vibra e chega a mensagem que eu mais esperava, um pedido de entrevista feito pela anfitriã do Hostel on 3rd. Primeiro comemorei, depois veio o medo: “meu deus como vou fazer uma entrevista pelo Skype em inglês???”. Estudei algumas possíveis perguntas e respostas, anotei no meu caderninho e mergulhei de cabeça, se fosse pra eu me afogar eu pelo menos tinha que tentar antes. No final deu tudo certo e eu fui aprovada para fazer parte da equipe deles, ai minhas preocupações se tornaram outras: mala, passagens, roteiro e convencer meus pais que isso realmente daria certo!

Cheguei na Califórnia sozinha, pousei em Los Angeles, peguei um trem na Union Station até San Diego e fui recebida de braços (e coração) aberto pela anfitriã do meu hostel. Antes de embarcar escolhi não pensar muito na possibilidade de me perder, eu estava sozinha, e pensar sobre isso me assustava, então decidi que focaria nas coisas boas, com um planejamento dos lugares que você tem que ir e uma reserva de dinheiro para caso você se perca, está tudo certo!


Carol na Califórnia 

Meu treinamento e dias de trabalho no Hostel On 3rd foram incríveis, fui muito bem recebida, acolhida e fiz amigos que me fizeram sentir em casa. Os donos do hostel sempre me levavam para passeios e lugares incríveis, e me davam a oportunidade de conhecer e aprender mais sobre a cidade. A localização do prédio é maravilhosa para quem quer ter uma vida mais agitada, fica no centro de Downtown e você pode fazer tudo a pé, ou pegar um ônibus e estar em todas as praias que quiser em menos de 40 minutos.

Muitos me perguntam como fazer para ser aceito pelo anfitrião, minha dica é fazer um bom perfil na plataforma, coloque uma boa foto, descreva detalhadamente suas habilidades e o que você fez/faz de melhor. Envie mensagens que estejam relacionadas com o local que você está aplicando, tente não copiar e colar o mesmo texto para todos os lugares, as vezes as vagas de trabalho não são as mesmas e você pode acabar dizendo que está apto para housekeeping pra uma vaga de marketing digital (preste bem atenção nisto).

No geral, não pensar muito nas coisas que podem dar errado, ajuda! Monte seu perfil, faça suas aplicações, envie boas mensagens e aguarde. Após confirmar sua viagem faça suas malas sorrindo para a oportunidade que abriu a sua frente e agarre-a com toda força. Tudo dará certo e os perrengues que você passar te farão ver que a vida é muito mais que seu trabalho, sua escola e sua casa. Boa sorte a todos os novos viajantes e sejam bem vindos ao mundo. 



1037f0fcd23d782778d274e61fc7c728

Caroline

Me joguei nessa aventura procurando me descobrir e estou aqui para encorajar você a fazer o mesmo...

+ Ver mais

Out 13, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Caroline saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor