TOP 10 melhores praias de Paraty e dicas completas para visitá-las

Conheça as melhores praias de Paraty, no litoral do Rio de Janeiro, e saiba como chegar até elas e como aproveitar o melhor de cada uma.

12min

praias de paraty

Parece clichê, mas Paraty realmente é um pedaço do paraíso. Localizada no Rio de Janeiro, essa é a última cidade litorânea do estado, fazendo fronteira com Ubatuba, em São Paulo. Patrimônio Cultural e Natural da UNESCO, ela reserva incríveis belezas. Neste artigo, vou compartilhar dicas práticas para você conhecer as 10 melhores praias de Paraty.

Como é a cidade de Paraty

Eu já ouvi muitas vezes a história “Eu passei um final de semana em Paraty e achei legal, mas nada demais. Depois fui mais uma vez e vi que tinha outras coisas incríveis para fazer por lá. Agora, a cada vez que vou fico mais apaixonada”. Eu mesma já fui uma dessas pessoas!

Paraty é uma cidade histórica, repleta de natureza e cultura. Ela não só tem 60 praias e 65 ilhas, como também cachoeiras, trilhas incríveis, um lindo centro histórico, ótimos bares e restaurantes e áreas indígenas, quilombolas e caiçaras. Existem muitas coisas para conhecer em uma viagem para Paraty.

Foi depois de fazer um voluntariado em Paraty durante 15 dias pela Worldpackers que decidi passar um ano na cidade e descobrir cada segredinho dela. Confesso que mesmo nesse período ainda ficaram faltando lugares para conhecer, e quero voltar em breve!

Dicas sobre as praias de Paraty

Antes de falar especificamente das melhores praias de Paraty, vou responder a algumas dúvidas comuns sobre esse destino:

Posso tomar banho nas praias do centro de Paraty?

No centro de Paraty você encontra duas praias de fácil acesso: a do Pontal, que fica no Centro Histórico, e a do Jabaquara, que fica a 15 minutos caminhando a partir da praia do Pontal. As duas são impróprias para banho.

Apesar de ver alguns turistas nadando por lá, especialmente na Praia do Jabaquara, o estudo de balneabilidade indica que elas estão contaminadas. Mas se você não quer pegar ônibus, carro ou barco para outras praias, a solução é alugar um stand-up ou canoa e se distanciar da costa, onde há escoamento de esgoto.

Além disso, visitar as praias do centro de Paraty vale a pena se você quer aproveitar os quiosques e almoçar na praia, tomar uma cerveja no final do dia ou curtir uma música com a luz do luar.



Consigo visitar as praias de Paraty de ônibus?

Se você viaja no estilo mochilão, com pouca grana, pode se intimidar com o fato de que muitas das melhores praias de Paraty ficam em alto mar e precisam ser visitadas de barco, o que reflete em um custo alto.

Mas não se preocupe: é super possível fazer uma viagem econômica para Paraty. Felizmente, o transporte público de lá é tranquilo. Saindo da rodoviária, onde constam as informações sobre horários de todas as rotas, você consegue pegar ônibus para conhecer praias incríveis que ficam na costa da cidade.

Além de Paraty, vai visitar a capital? Confira nossas dicas de como viajar barato para o Rio de Janeiro e veja 21 passeios gratuitos para fazer por lá.

Como fazer um passeio de barco em Paraty?

Paraty é uma região de preservação, tanto por conter parques, áreas de proteção ambiental e reservas ecológicas, quanto por abrigar comunidades tradicionais com áreas protegidas. 

Isso quer dizer que mesmo que algumas das melhores praias de Paraty sejam no continente, não existem estradas para todas elas; algumas precisam ser acessadas por barco ou trilha.

A boa notícia é que os passeios de barcos são lindíssimos e divertidos. Eu recomendo que você faça ao menos o passeio com as tradicionais escunas que saem do cais da cidade, mas existem outras opções, como vou explicar a seguir.

  • Escunas

As escunas são barcos grandes e coletivos. A maior parte deles possui serviço de bar, música e fotógrafos a bordo para registrar os melhores momentos. Esse é o passeio de barco com o valor mais acessível: dependendo da época e roteiro, o preço pode variar de R$ 50 a R$ 100 por pessoa.

A agência mais conhecida na região é a Paraty Tours e ela oferece passeios bem interessantes. Mas se você prefere um barco que não tem tanta festa como as  grandes escunas, recomendo a Banzay.

Outra opção é chegar no cais e ver os passeios que estão disponíveis na hora. Você pode conseguir um preço melhor, mas corre o risco de não encontrar espaço em algum barco que queira.



  • Traineiras

As traineiras são os pequenos e tradicionais barcos de Paraty, guiados especialmente por antigos pescadores locais, o que deixa a experiência muito mais interessante.

Esse é meu estilo de barco favorito para conhecer Paraty. A cobrança é feita por hora de uso do barco. Aqueles que comportam até 10 pessoas vão de R$ 70 a R$ 120 por hora na alta temporada. Se você for sozinho ou com mais gente o valor será o mesmo.

As traineiras têm as suas vantagens: você pode fazer quantas horas de passeio quiser, tem mais privacidade, pode levar sua comida, e muitas também aceitam pets. O risco aqui é que tem alguns barqueiros “espertinhos” que te levam para uma praia dizendo que é outra, por isso busque indicações.

Esses barcos menores costumam sair do canal entre o Centro Histórico e a Praia do Pontal. Procure por ali o Seu Irênio do Barco Leara ou Seu Alziro do barco Gab e Morena, que o passeio vai ser bom!



  • Lanchas

Essa é a melhor opção para quem quer mais luxo e conforto ou tem pressa para visitar mais lugares, já que a escuna e a traineira são mais lentas. O passeio de lancha pelas praias de Paraty com duração de 5 horas costuma custar a partir de R$2.000, mas varia dependendo da lancha que você escolher.

Particularmente, acho muito rico fazer um passeio mais tranquilo e aproveitar a vista tão linda de Paraty, mas aqui deixo essa opção. A Paraty Tours também oferece aluguel de lanchas.

Aproveite para conhecer também as praias da Região dos Lagos no RJ:

As TOP 10 melhores praias de Paraty

Finalmente chegamos à melhor parte deste artigo: a lista de melhores praias de Paraty! Para facilitar sua vida durante a viagem, separei essas dicas de acordo com as formas de chegar em cada uma. 

Veja, então, as melhores praias de Paraty para visitar de barco, trilha, ônibus e carro:

Melhores praias de Paraty para ir de barco

Os passeios de barco passam por infinitas praias bonitas, e se você for de escuna terá que se adaptar à programaçãoque eles oferecem. Você pode fazer um roteiro a cada dia para conhecer as principais praias ou apenas relaxar e curtir, já que todas ali são lindas. De qualquer forma, eu tenho as minhas preferidas:

1. Praia Vermelha

Essa é uma praia linda e com estrutura de quiosque. Considero uma das melhores praias de Paraty. O mar ali é calmo, claro e a faixa de areia é larga. Ideal para quem quer descansar e aproveitar para comer alguma coisa, afinal, sol e mar dão fome! 

2. Ilha do Coco



Uma das ilhas mais bonitas, com águas profundas e cheias de peixes. Com sorte, você também verá alguma tartaruga. Antes ela costumava ser vazia, mas na última vez em que fui havia muitos barcos, o que atrapalhou, já que a ilha é pequena. 

Mesmo assim, vale muito a pena colocá-la em seu roteiro. E se você sabe nadar, explore a vida que existe entre as pedras dali.

3. Ilha da Cotia

Essa é uma pequena ilha, mas linda e diferente das outras ilhas da região. Ela tem muitas pedras, uma cor belíssima e chega até a ficar com a água morna no verão. Sua vista é linda, pois ela fica de frente para Paraty Mirim. 

Para visitá-la você pode ir com as escunas ou chegar em Paraty Mirim e pegar um pequeno barco ou caiaque para atravessar.

4. Ilha do Cedro



A Ilha do Cedro fica no sentido de Angra dos Reis. Para chegar lá você pode ir de carro ou ônibus até as praias do Cão Morto, Iriri ou São Gonçalo. Chegando nessas praias você deve pegar um taxi-boat, um pequeno barco que faz a travessia.

Essa praia é linda, tem estrutura de quiosque e uma pequena trilha que te leva para um lado mais reservado da ilha. Ali encontrei conchas, estrelas do mar enormes e muita vida!

Ônibus para ir até a Ilha do Cedro: São Gonçalo

Melhores praias de Paraty para ir de barco ou trilha

1. Praia do Sono

Próxima a Trindade, essa é uma praia totalmente diferente das ilhas de água tranquila de Paraty. Como aqui o mar começa a ficar aberto, você encontrará uma praia cheia de ondas e águas mais profundas. Na Praia do Sono tem espaço para acampar, quiosques para comer e rola muito luau e festas.

Para chegar na Praia do Sono você deve primeiro pegar um carro ou ônibus até a entrada do condomínio Laranjeiras, caso queira ir de barco. A partir dali você pode pegar um barquinho. Se quiser ir de trilha, deve seguir no ônibus até o ponto final.

A trilha para a Praia do Sono demora cerca de 1h a 1h30. Eu achei bem tranquila de fazer. Apesar de ter algumas subidas mais cansativas, é um percurso lindo, com muitas árvores oferecendo frescor e sombra, água doce passando no meio da montanha e vários pássaros para encantar seu caminho.

É possível ir e voltar no mesmo dia, mas você pode aproveitar para estender sua estadia e conhecer as praias Antigo, Antiguinhos e Ponta Negra ou as lindas cachoeiras, como a famosa Saco Bravo.

Ônibus para ir até a Praia do Sono: Vila do Oratório (se fizer a trilha, pare no ponto final; se fizer a travessia de barco, pare no Condomínio Laranjeiras)

2. Saco do Mamanguá 



O Saco do Mamanguá é um braço de Paraty com pequenas praias. O local é mais isolado e com pouca estrutura, mas ainda assim, dependendo da praia em que você estiver, vai encontrar camping e algum quiosque.

Para chegar no Saco do Mamanguá você pode:

  • Fazer um passeio de barco saindo do centro de Paraty.
  • Ir de carro ou ônibus até Paraty Mirim e dali pegar um táxi-boat.
  • Fazer uma trilha saindo de Paraty Mirim. 

Nessa última opção, as praias que você conhecerá serão diferentes das que o barco alcança. É possível conhecer todo o Saco do Mamanguá fazendo trilha, mas isso levará alguns dias.

Aproveite que está no local e suba até a Pedra do Pão de Açúcar. A trilha é uma subida de 1h30 a 2h, mas grande parte dela é protegida pelas sombras das árvores, o que alivia muito nos dias quentes. A vista ali do alto é espetacular.

Para a trilha da Pedra do Pão de Açúcar lembre-se de levar boné ou chapéu e alguma coisa para sentar. Ali no alto é tudo descoberto, com muito sol e muito quente.

Leia também:

Melhores praias de Paraty para ir de carro ou ônibus

1. Iriri

No sentido de Angra dos Reis, a Praia do Iriri fica em uma reserva indígena da etnia Pataxó. Eles estão montando por lá uma estrutura bem legal de estacionamento, loja de artesanato, lanchonete e chuveiro. De um lado da rodovia fica a praia e do outro lado as moradias e uma cachoeira deliciosa que vale a visita.


Cachoeira ao lado da praia do Iriri

Como é uma região de mangue, você encontrará lodo misturado com a areia do mar. Do lado esquerdo da Praia do Iriri fica a desembocadura de um rio; do lado direito, mais tranquilo em relação ao movimento, tem lindas pedras e menos lodo na água.

Ônibus para ir até Iriri: São Gonçalo

2. Praia Grande


Prainha da Praia Grande

A Praia Grande fica 10 km do centro de Paraty. Considero essa uma das melhores praias de Paraty pela acessibilidade. Chegar ali é bem fácil: vá de carro (um pouco difícil de estacionar) ou pegue um ônibus.

Se estiver de ônibus, fique atento à placa que indica a sua chegada e peça para descer ali. Depois é só seguir caminhando em uma pequena ladeira de paralelepípedos.

Deste lado estão restaurantes para todos os gostos, mas fazendo uma pequena trilha que está ao lado esquerdo da praia você chega em um local tranquilo e com um lindo mar; é impressionante a diferença entre as duas prainhas! Existe ainda a opção de atravessar para a Ilha do Araújo.

Para se banhar é preciso pegar essa pequena trilha, já que na praia principal tem muito lodo e pequenos barcos de pescadores atracados. 

Se o que você quer é aproveitar um almoço especial, recomendo o Quiosque São Francisco, que tem uma estrutura super bacana, com direito a redes para descansar, e uma comida deliciosa.

Ônibus para ir até a Praia Grande: Graúna, Taquari, São Gonçalo

3. Paraty-Mirim



Paraty-Mirim tem um lindo encontro de mangue, rio e mar. Você pode chegar de carro ou um ônibus que para diretamente neste vilarejo. É possível passar dias conhecendo as suas belezas. 

Além de aproveitar a praia, recomendo fazer um passeio de caiaque ou stand-up para entrar no mangue, ir até a Ilha da Cotia ou quem sabe chegar até o Saco do Mamanguá.

É interessante ver que em apenas um pedaço de praia você tem quatro características tão diferentes:

  • No centro, onde você chegará, é uma praia tranquila e sem muitas ondas;
  • Do lado esquerdo existe um grande rio para atravessar. Dependendo da maré, pode ser que você precise nadar;
  • Atravessando o rio, terá o mangue em suas costas e um mar mais agitado nos dias de vento;
  • Do lado direito da praia do centro, onde há um píer, você pode ver uma água mais clara, com pedras e peixes.

Ônibus para ir até Paraty-Mirim: Paraty-Mirim

4. Trindade

Fechando com chave de ouro, Trindade é um vilarejo caiçara muito conhecido pela presença dos hippies e comunidade alternativa. Como é um dos locais mais famosos da região, também é uma das praias de Paraty que costuma ficar mais cheia.

Para chegar em Trindade você pode ir tranquilamente de carro, ônibus ou van.

Ali você encontrará várias praias, as que mais indico são a Praia do Meio, Praia do Cachadaço e principalmente a Piscina Natural do Cachadaço. Para chegar no Cachadaço e em sua piscina natural você pode ir de barco ou fazer uma trilha que vai passando na encosta.

Chegando na piscina, recomendo sair um pouco da entrada, que está sempre cheia e, caso o mar esteja tranquilo, se aventurar nadando entre as pedras e corais. Leve um óculos ou snorkel, você precisará.

Além das praias, Trindade tem cachoeiras e a divertida Pedra que Engole. Para chegar ali é simples, basta ver o rio que está na Praia do Meio e seguir subindo-o através de uma trilha. Se você for com calma, verá que tem vários pontos fantásticos para se banhar ali. Viu como tem muito o que fazer em Trindade?

Ônibus para ir até Trindade: Trindade

Voluntariado em Paraty

Paraty é um lugar maravilhoso para passar mais que alguns dias. Tem muito movimento e opções baratas de diversão, já que é cheia de belezas naturais, parques abertos e festinhas, como o samba na praça central, o forró nos barzinhos de segunda-feira e shows gratuitos. 

Também é possível fazer passeios de um dia perto de Paraty para conhecer alambiques e cachoeiras, por exemplo.

Sem falar nos diversos eventos promovidos lá durante o ano, como o Festival de Cachaça, a Festa do Divino, o Festival de Jazz Bourbon, o Paraty em Foco e a Festa Literária Internacional de Paraty (Flip).

Por isso, vale muito a pena fazer um voluntariado por lá, trocando trabalho por hospedagem pela Worldpackers. Como você terá muitos lugares para conhecer, minha dica é pedir um turno que seja durante a manhã, para sair logo cedo, ou que seja à noite. Assim, você tem todo o dia para passear.

Leia também: Dicas essenciais para quem vai voluntariar pela primeira vez

Eu fiquei no Eco Lodge durante 15 dias e foi uma experiência maravilhosa! Paty e Roque me receberam com muito carinho. Eles são incríveis, conhecem muito de Paraty e têm ótimas histórias para contar dos trabalhos sociais que já realizaram por lá com as comunidades tradicionais.

Dentro da pousada tem uma cachoeira deliciosa onde você pode se banhar tranquilamente. A comida era super gostosa e vegetariana. Ali consegui fazer voluntariado, aprender muito e ainda passear bastante. 

E além do Eco Lodge, existem vários outros anfitriões para quem quiser se hospedar em Paraty de graça e viver experiências incríveis como a minha. Alguns exemplos de lugares para voluntariar em Paraty são o Remo Hostel, o Vila Volta e o Happy Hammock.

Seja voluntariando ou não, espero que você inclua Paraty em seu roteiro e se divirta muito em um dos paraísos naturais do Brasil. E se você conhecer outras praias de Paraty que merecem estar nessa lista, conte aqui nos comentários!



Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor

Mais sobre esse tema