Um guia recheado de dicas sobre o que fazer em Ilha Grande, Angra dos Reis

Da partida de várias cidades até à estadia de três dias, neste artigo você encontra um guia completo sobre o que fazer em Ilha Grande, Angra dos Reis.

21min


Dc1f26688e20dee86ea50588d7fc2eb8

Mila Tentando Ser Zen

Ago 24, 2020

Larguei o mundo corporativo para viver meu projeto de vida, o Tentando Ser Zen, dando aulas de Hatha Yoga, viajando e escrevendo! ________________...

o que fazer em ilha grande

Ilha Grande, parte do município de Angra dos Reis e seu mar verde esmeralda fazem parte de um arquipélago com mais de 180 ilhas e ilhotas. A sua localização é perfeita para os viajantes que estão no litoral norte de São Paulo ou em Paraty. Para eles, visitar Ilha Grande, Angra dos Reis é uma ótima opção de passeio de final de semana.

Você pode trabalhar em um hostel de Ilha Grande, em uma pousada de Angra dos Reis e até escolher um projeto ecológico ou social para vivenciar essa troca na beira do mar. Esse guia vai te preparar para viver uma experiência autêntica na natureza, e te dar todas as dicas, fotos e melhores praias para traçar seu roteiro na Ilha. Aproveite!

Como chegar em Ilha Grande, Angra dos Reis

Antes de falar sobre o roteiro, é importante saber como chegar. Por ser uma ilha, você pode ter a impressão de que é complicado chegar até lá, mas é bem tranquilo chegar à Ilha Grande, basta um pouco de organização e planejamento.


como chegar em ilha grande

Passo 1: Como chegar em Angra dos Reis

Antes de Ilha Grande, é necessário chegar até Angra dos Reis, então separei as principais formas de chegar até lá e concluir essa primeira etapa da viagem!

  • Avião

Angra dos Reis não tem aeroporto, então dependendo de onde você sair, será necessário pegar um avião até o Rio de Janeiro - capital, e de lá pegar um ônibus ou carro até Angra dos Reis. A distância é de aproximadamente 166 km.

  • Ônibus

É possível chegar de Ônibus em Angra dos Reis por São Paulo - SP, Rio de Janeiro - RJ, e Belo Horizonte -MG.

Angra dos Reis saindo de São Paulo 

Essa foi a forma que cheguei em Angra, já que eu moro em São Paulo, os ônibus saem da rodoviária do Tietê e a única empresa que faz o trajeto é a Reunidas.

O ônibus não tem nenhum luxo, mas as poltronas reclinam bastante, o espaço para as pernas é bom e tem banheiro, então dá pra fazer uma viagem confortável. A estrada tem bastante curvas, então se você tem labirintite ou tem enjoos, leve seus remedinhos para sua viagem ser mais tranquila. 


onde ficar em ilha grande

Na minha opinião, essa é a forma mais prática e barata de chegar até Angra saindo de São Paulo, já que se fosse de avião, teria em desvantagem o preço dos bilhetes aéreos, o tempo de deslocamento e custo até o aeroporto, além da questão das limitações de bagagens.

Indo de ônibus, você vai até a rodoviária de metrô, os preços das passagens são tabelados, você pode levar a sua bagagem sem preocupações, e você tem a praticidade da rodoviária em Angra ser bem pertinho do local onde você deve ir para chegar até Ilha Grande!

Fique atento e compre com antecedência, porque mesmo nos dias comuns - que não são feriados ou datas comemorativas - as passagens se esgotam rapidamente, principalmente as que saem no fim do dia. Lembrando que a Reunidas é a única empresa que faz esse trajeto e não há muitas opções de horário.

Angra dos Reis saindo do Rio de Janeiro 

Essa é a rota que boa parte dos turistas faz. São aproximadamente 166 km e quem realiza esse trajeto é a empresa Costa Verde. Os ônibus partem do Terminal Rodoviário Novo Rio. Eu não peguei esse ônibus, mas vendo de fora, eles pareciam bem conservados e limpos.

Como muita gente sai da capital para ir pra Angra dos Reis, os ônibus vão com muitos turistas estrangeiros, de outros estados do Brasil e também cariocas. Então na rodoviária pode-se observar a interessante mistura dos turistas com os moradores da região.

O site da Costa Verde informa que a duração da viagem é de 3 horas, mas informa que a chegada é apenas uma previsão, então deve atrasar para chegar no destino final.

  • Valores e horários:

Verifiquei os valores e horários no site da Costa Verde, e há muitos horários, praticamente a cada uma hora. Testei diversas datas, e em algumas, não havia disponibilidade em todos os horários, então é bom comprar com antecedência.

Uma ótima notícia é que no site da Costa Verde tem promoção caso você compre as passagens de ida e volta juntas, o que é ótimo, porque você já garante o seu lugar com um preço legal! 

Angra dos Reis saindo de Belo Horizonte 

Para quem estiver em Belo Horizonte, é possível pegar um ônibus. A duração da viagem é de aproximadamente 12 horas, então se as passagens de avião estiverem muito caras para ir de BH para o Rio, há essa opção. 


ilha grande hostel 

A empresa que faz esse trajeto é a Viação Util. Eu não consegui ver nenhum ônibus dessa empresa na rodoviária de Angra, então não consigo informar o aspecto deles. 

Não há muitos horários disponíveis no site , então mais uma vez, é importante reservar com antecedência. Também sugiro entrar em contato telefônico ou direto na Rodoviária para verificar se há outras opções. Confira os horários e valores sem taxas que eu encontrei:

  • Belo Horizonte - Angra dos Reis de carro

Normalmente, viajar de carro pode ser uma boa ideia porque permite mais flexibilidade, você pode ir parando onde achar interessante, os tempos de parada dependem apenas de você, não há restrições de bagagem.

Para chegar até Angra dos Reis é tranquilo, o problema vai ser o que fazer com o seu carro quando chegar lá, já que em Ilha Grande não entram automóveis e você precisará deixar o carro em Angra.

Se você estiver com um carro alugado, pode verificar com a sua locadora se tem local de entrega em Angra dos Reis, se estiver com o seu próprio carro, você pode encontrar um estacionamento próximo ao Cais Santa Luzia, lugar onde você vai pegar o barco para Ilha Grande.

Há algumas pousadas que têm convênio com estacionamentos em Angra dos Reis, então antes de reservar a sua hospedagem, verifique se a sua tem.

Agora você pode verificar qual é a melhor forma de transporte para você e se preparar para o próximo passo, que será chegar em Ilha Grande!

Passo 2: Como chegar em Ilha Grande, Angra dos Reis


hostel ilha grande

Como chegar ao Cais de Santa Luzia em Angra dos Reis

O transporte entre Angra dos Reis e Ilha Grande demora cerca de 40 minutos e é feito por barco, mais especificamente o Flexiboat, que é um modelo de bote, com capacidade de 60 passageiros. Não é necessário colocar o colete salva-vidas para o transporte, mas tem colete para todo mundo e eles ficam bem visíveis na parte superior do barco.

O nome do destino é ‘’Vila do Abraão’’, que é onde se concentra a maior parte das hospedagens, restaurantes, agências de turismo e todo o comércio da Ilha. A partida acontece no Cais de Santa Luzia de Angra dos Reis.

Uma ótima notícia é que o Cais de Santa Luzia fica muito próximo da rodoviária, sendo mais um ponto positivo pra quem vai de ônibus. Como fui com a minha mãe, pegamos um Uber, e deu apenas R$ 7,50 o trecho de menos de 10 minutos.

Quem quiser economizar, pode ir andando até o Cais de Santa Luzia. Antes de pedir o Uber, eu verifiquei no Google Maps e demora mais ou menos 20 minutos da rodoviária até lá. Se sua mochila não estiver muito pesada, é uma caminhada tranquila. Não sugiro ir andando a noite, porque percebi que tem algumas partes um pouco desertas.

Na rodoviária também tem um ponto de táxi, mas eu verifiquei e a corrida daria mais ou menos R$ 20,00, o que eu considero caro levando em conta a distância e a possibilidade de ir de Uber.

  • Dica importante:

O cais abre às 08:00, então se você chegar mais cedo na rodoviária, como eu, que cheguei às 6:30, a melhor coisa é você tomar um café da manhã na rodoviária, ir ao banheiro por lá (pagando R$ 2,50 para banheiro e R$ 10,00 para banho), e esperar um pouco para sair. Essa foi uma dica de pessoas que moram na região me deram e eu achei uma ótima dica.


o que levar em Ilha grande angra dos reis

Traslado entre Angra dos Reis e Vila do Abraão, Ilha Grande 

A empresa que faz o traslado é a ‘’Agência Angra dos Reis Turismo’’. Pelo que percebi e pesquisei, ela é a única que faz essa rota da forma mais econômica, porque as outras opções já são estilo passeio, com transportes maiores, mais exclusivos, tanto que nesse bote você encontra muitos moradores locais.

O valor do trecho individual é R$ 50,00 e você pode comprar o bilhete quando chegar no cais ou pode comprar pela internet no site da Agência Angra dos Reis Turismo com antecedência. Há desconto para quem comprar Ida e Volta junto, e pela internet o desconto é maior. Crianças de até 3 anos não pagam. 

Uma vez no bote, aproveite para relaxar da longa viagem até Angra. O trajeto é bem tranquilo, eu até cochilei!

7 dicas para conhecer Ilha Grande, Angra dos Reis

  1. Em frente ao Cais de Santa Luzia tem um supermercado, então compre água e mantimentos lá, é mais barato e tem mais opções. Uma água de 1,5 L, por exemplo, custa R$2,50, enquanto na Ilha Grande ela custa R$ 5,00. Entrei em vários os mercadinhos no centro da Ilha, e o preço da água era o mesmo em todos eles.
  2. Na Ilha não tem muitas opções de frutas, legumes, e comidas frescas no geral, então aproveite o supermercado para comprar frutas ou qualquer coisa que você desejar.
  3. Na Ilha não tem banco ou caixa eletrônico, então saque dinheiro antes. Tem um caixa eletrônico do Banco 24 horas na rodoviária, mas é melhor não deixar pra última hora para não ter imprevistos.
  4. Na Ilha, restaurantes e passeios aceitam pagamento com cartões de crédito e débito, mas se não houver sinal para as maquininhas, os pagamentos são apenas em dinheiro. Por isso, leve uma quantia boa para não passar sufoco.
  5. Na Rodoviária, as lanchonetes aceitam apenas dinheiro.
  6. carregadores de celular gratuitos na Rodoviária
  7. Na Rodoviária, para usar o banheiro o valor é R$ 2,50 e o banho custa R$ 10,00.

Dadas as dicas, agora vamos às minhas sugestões sobre o que fazer em Ilha Grande em um roteiro de 3 dias!

O que fazer em Ilha Grande: Roteiro para 3 dias incríveis


o que fazer em ilha grande bico do papagaio

Dia 1: Passeio de Lancha às Ilhas Paradisíacas

Esse passeio dura das 10:30 às 17:30, e nele você conhece as ilhas que são consideradas as mais bonitas de Ilha Grande. São elas: A Ilha do Dentista, de Botinas, do Cataguás, da Piedade e a Lagoa Azul. Depois de todas essas praias, tem uma parada para almoço em uma prainha com um mangue na entrada, chamada Saco de Deus.

Como todo mundo vai até elas com passeios, o clima é bem seguro e relaxado, em quase nenhuma dessas praias tem barraquinhas de comida e bebida, então a própria agência recomenda levar comidinhas e bebidas.

A Ilha de Botinas onde a parada é feita para fazer snorkel. Com a Equipe Objetiva eles deram as boias estilo ‘’macarrão’’ e os óculos de snorkel, o que foi ótimo para quem não tem esses equipamentos.

A Ilha da Piedade tem esse nome pois tem uma igrejinha, é uma praia de águas bem calmas, quase sem ondas, por isso, excelente para quem está com crianças. Essa praia ficou famosa pois antigamente era a sede da Ilha de Caras e como ela é pequena, não tem tanta privacidade, mas nada que atrapalhe o passeio.

A Ilha de Cataguás também tem as águas clarinhas e o mar bem calmo, nela é feita a penúltima parada, portanto o sol já começa a baixar, e é a única entre as ilhas paradisíacas que tem uma barraquinha com salgadinhos, pastel, açaí e bebidas.

A Lagoa Azul é a última parada, e nela ficamos 20 minutos para fazer snorkel e ver cavalos marinhos! Depois dela, tem um tempo de mais ou menos uma hora em um restaurante chamado Gruta da Estrela, que fica no Saco de Deus. Dizem que nessa praia, a noite as estrelas refletem no mar e fica um visual incrível.

  • Valor do passeio:

No site da Equipe Objetiva o passeio custa 170,00 por pessoa. Eu paguei 140,00 porque consegui desconto com uma amiga que sempre vai pra lá. Então sugiro que você tente um desconto também.


dicas ilha grande para economizar

Dicas de Ilha Grande: passeio às Ilhas Paradisíacas

  1. Se você quiser fazer esse passeio, não deixe pra depois. Aproveite o dia que tiver sol e vá, senão você vai se arrepender se o tempo mudar.
  2. Leve suas bebidas e comidinhas para um dia todo, já que a parada para o almoço acontece apenas por volta das 16:30.
  3. No valor do passeio está incluído: água mineral, cooler com gelo, boias estilo ‘’macarrão’’ e óculos para snorkel.
  4. Na penúltima ilha do passeio, a dos Cataguás, tem uma barraquinha que vende pastel, açaí, salgadinhos e bebidas. Boa opção para quem está com fome mas não quer gastar muito no restaurante.
  5. Para almoçar, você tem que escolher a comida antes de chegar no restaurante. O pedido é feito antes de chegar na Ilha de Cataguás, onde tem a barraquinha de comidas. Eu não sabia disso, então pedi uma batata frita e salada porque era a única coisa vegetariana no cardápio, mas se soubesse que tinha uma barraquinha, eu não teria pedido nada do restaurante e teria comido um pastel.
  6. Você não é obrigado a almoçar no restaurante Gruta da Estrela, então se quiser economizar, você pode apenas pedir um drink, uma cerveja, um petisco e comer mais tarde quando voltar pra Abraão.
  7. O restaurante Gruta da Estrela não tem opções vegetarianas além de salada e porção de batata frita.
  8. Leve repelente para passar na parada do restaurante, caso contrário você será atacado pelos borrachudos assim que chegar.
  9. Vá de chinelo. Eu fui de sandália Birken e ela ficou acabada por causa da parada do restaurante, já que você tem que pisar em uma areia de região de mangue.
  10. Leve uma blusa ou uma canga para se cobrir, porque na volta do passeio o sol já baixou, a lancha vai muito rápido o que faz ventar bastante.

Depois de você ter aproveitado o dia nas Ilhas Paradisíacas, vá para o hotel, tome um banho e se você não estiver muito cansado, saia para dar uma andada no centrinho, sentar em algum restaurante e descansar para o próximo dia!

Dia 2: Praia de Lopes Mendes


ilha grande angra dos reis praias

Depois de ter feito um passeio relativamente caro no primeiro dia, a Praia de Lopes Mendes é uma ótima opção de um passeio barato para uma praia incrível. A Praia de Lopes Mendes tem uma faixa de areia larga branca e fofinha, o mar é de um tom verde azulado com ondas fortes.

Eu simplesmente amei essa praia porque ela permite que você fique livre, sem nenhuma preocupação, coisa que eu nunca tinha presenciado em uma praia no Brasil. No fundo da praia tem muitas árvores, então você pode estender a sua canga debaixo de alguma árvore, deixar as suas coisas e ir nadar ou andar pela praia. Todo mundo faz isso sem nenhuma preocupação.

Como as ondas são fortes, é recomendado que os pais e seus filhos fiquem próximos aos Bombeiros. Nessa praia tem apenas uma barraquinha bem simples com alguns salgadinhos, então mais uma vez, é recomendado levar o seu kit praia com comidas e bebidas, lembrando sempre de recolher o lixo, nessa praia não tem coleta seletiva.

Eu fui em pleno sábado e tinha muito lugar livre na praia, consegui praticar yoga e tirar fotos com bastante tranquilidade. Lá também tem umas pedras onde muitas pessoas sobem para tirar fotos, eu não subi porque tenho medo de escorregar e me machucar, mas se tiver cuidado, ela rende várias fotos incríveis!

  • Valor do passeio:

Para ir de Escuna, que é um barco maior, com cerca de 60 pessoas, o valor é de apenas R$30,00 ida e volta por pessoa. O trajeto dura mais ou menos meia hora, assim que descer da escuna, é necessário fazer uma trilha de no máximo 30 minutos para chegar até a praia.

As Escunas têm horários específicos para sair, então é necessário confirmar o da sua. A minha tinha três horários de manhã ( 09:30, 10:30, 11:30), e três à tarde ( 15:00, 16:00 e 17:00). As que eu peguei foram bem pontuais.

Para ir de Taxi Boat, é R$ 40,00 por pessoa. É um barco menor, mais rápido e tem a vantagem de não ter horário fixo para sair e voltar, você pode pedir o táxi a qualquer momento.

Qualquer agência faz esse trajeto, e pelo que vi, todas cobram o mesmo valor. Eu fui com a Equipe Objetiva.

A trilha tem umas subidas no começo e uma parte com lama, o que faz o trajeto demorar um pouquinho, mas eu sugiro que você vá andando devagar para poder apreciar a paisagem e não se cansar muito. Muita gente vai de chinelo, que foi o meu caso, mas também tem gente que vai de tênis de trilha. Eu não tive problemas andando de chinelo, mas depende do que você se sentir mais confortável.


transporte angra dos reis ilha grande

Dicas de Ilha Grande: Praia de Lopes Mendes

  1. Seja pontual para pegar a Escuna: como tem muita gente e cada agência tem seu horário e apenas uma pode sair por vez, é importante estar no horário para garantir que as outras saiam no horário correto também.
  2. Leve suas comidinhas para passar o dia, mas não exagere no peso porque senão você vai ter dificuldades no começo da trilha. Vi pessoas com coolers muito pesados penando para subir, então se possível, leve mochilas térmicas, porque vai ser muito mais fácil. Uma boa é levar biscoito de polvilho, frutas, uma garrafa de 1,5L de água e alguma outra coisinha.
  3. Leve repelente e, se possível, passe toda vez que sair da água. Na trilha é muito importante, porque tem muitos borrachudos.
  4. Leve o seu lixo embora, porque na Praia de Lopes Mendes não tem coleta seletiva.
  5. Não alimente os macaquinhos que você vir pela trilha, essa é uma recomendação da região, pois dessa forma os macacos mudam a sua forma de se alimentar e prejudica toda a natureza.
  6. Se você quiser dar uma andada pela praia, pode deixar a sua canga e mochila com comida e coisas pesadas. É bem seguro! Leve apenas o celular, a câmera e o dinheiro e deixe o resto.

Após pegar a escuna de volta, tome um banho e descanse um pouco. A noite, vá para o centrinho para jantar. Há diversos barzinhos na beira da praia com música ao vivo, uma ótima forma de relaxar depois de um dia de praia!

Dia 3 : Trilha para a Praia do Abraãozinho

A trilha que tem como destino final a Praia do Abraãozinho é uma boa opção para fazer um passeio econômico e em contato com a natureza. A trilha também é uma opção para os dias que o tempo estiver fechado, e até mesmo garoando (que foi o nosso caso). Não tendo raios e trovões, dá pra fazer a trilha tranquilamente.


o que fazer em ilha grande trilhas

A primeira praia é a Praia da Julia, que fica bem pertinho do centrinho, e é uma praia bem pequena com um restaurante. Logo no fim dela, tem uma placa com as informações com as distâncias das outras praias, então é legal tirar uma foto para ter noção da distância. 

Nossa escolha foi ir até a Praia da Crena, que é uma praia bem pequena com um restaurante. Para chegar nela, é necessário passar por um paredão de pedras dentro da água, então se você tiver algum tipo de restrição de mobilidade ou estiver com crianças pequenas, pode não ser uma boa opção, porque as pedras escorregam e a água bate na altura da cintura.

Você pode sentar em alguma das mesas do restaurante e comer algo por lá, ou pode estender a sua canga na areia. Eu e minha mãe decidimos comer por lá porque estávamos cansadas da trilha.

Após descansar, você pode seguir para a Praia do Abraãozinho, que fica há uns 20 minutos da Praia da Crena. A Praia do Abraãozinho é de tamanho médio, tem a água verdinha e calma, com vários peixinhos, faixa de areia não é muito grande. Tem bastante espaço debaixo das árvores para deixar as coisas enquanto você nada. Em um dia de sol ela deve ficar bem cheia.

O trajeto total demora mais ou menos uma hora e meia, e depende do tempo de permanência em cada praia, mas como você vai parando por elas, é bem tranquilo. Para voltar, sugiro que você pegue um Taxi Boat na Ilha do Abraãozinho, ele custa apenas R$ 15,00 por pessoa e demora um pouco mais de 5 minutos para voltar, é muito rápido!

  • Valor do passeio:

Você não vai gastar para fazer a trilha em si, apenas se decidir comer no restaurante da Praia da Julia ou Crena, o que é dispensável. O Taxi Boat para voltar é apenas R$ 15,00 e eu recomendo bastante porque além de ser rápido, você evita ter surpresas, já que lá no começo da trilha foi necessário entrar na água na altura da cintura, então se a maré subir, vai ficar bem complicado passar por lá.

Dicas de Ilha Grande: trilha da Praia do Abraãozinho

  1. Leve apenas o necessário como lanchinhos e água, evite levar peso a toa.
  2. Não se esqueça de passar repelente, até no rosto. ( Eu esqueci de passar e meu rosto ficou cheio de picadas). A trilha tem muitos borrachudos.
  3. Pegue o Taxi Boat para voltar para Abraão porque é mais rápido e seguro.
  4. Essa trilha é uma boa opção para dias nublados ou até mesmo uma garoa. Não tendo raios nem trovões dá pra fazer tranquilamente.
  5. Vá com calma, aprecie a natureza.
  6. Se você sentir que está no seu limite, volte. Eu pensei várias vezes antes de atravessar pelo mar pelas paredão de pedras. Vi se eu daria conta vendo como as pessoas estavam indo na minha frente. Percebi que seria ok para mim, se não for pra você, volte. Não precisa se arriscar para continuar a trilha.
  7. Após chegar e descansar na sua pousada ou hostel em Ilha Grande, aproveite a sua última noite para comer em algum lugar, passar na Cachaçarilha e provar a Cachaça Desinibida que é da região, a cachaça de milho e a Cachaça Gabriela de Angra dos Reis.
  8. Antes de dormir, organize as suas coisas. Sugiro que você faça uma meditação agradecendo todos os seus momentos na Ilha

Agora que você já tem um roteiro, e já sabe como chegar, é hora de decidir onde se hospedar em Ilha Grande.

Onde ficar em Ilha Grande, Angra dos Reis

Em relação à região, sugiro que você fique na Vila do Abraão, já que é onde chegam e saem as embarcações para de Angra dos Reis, lá fica quase todo o comércio, as hospedagens, as agências de turismo e os restaurantes.


onde ficar em ilha grande hostel

Ficando fora da Vila do Abraão, você vai acabar ficando mais isolado das pessoas, vai precisar gastar dinheiro se locomovendo com táxi boat e não vai ter restaurantes, lojinhas e mercados próximos, limitando bastante o que fazer e onde comer depois de um longo dia de passeios ou até mesmo em um dia de chuva. Veja alguns tipos de hospedagem para você possa decidir onde ficar em Ilha Grande:

Pousadas em Ilha Grande, Angra dos Reis

A maior parte das hospedagens na Ilha Grande, que vão desde as mais simples até com piscina. No próprio site da Ilha tem uma lista com as pousadas e com o link que te redireciona para um site de reservas, sendo uma boa forma de pesquisar a ideal para você.

Eu fiquei na Yes Hotel Pousada, porque uma amiga recomendou e como fui viajar com a minha mãe, era o ambiente ideal para nós duas. Foi uma ótima escolha, já que é uma pousada muito limpa, os quartos têm uma pequena varanda com rede, ar condicionado, frigobar, toalha e serviço de limpeza de quarto.

A pousada tem café da manhã incluído e eu achei muito bom, porque tinha opções para todos os gostos: pães, pão de queijo, bolos, frios, ovo mexido, salsicha com molho, duas opções de sucos naturais, café e leite, além de uns biscoitinhos de nata com coco feitos por eles que eram simplesmente viciantes de tão gostosos! Além disso, tinha uma tostex para fazer lanches quentes e um filtro de água ao lado da mesa, sendo útil para encher a minha garrafa de água para levar pros passeios. A tarde, eles oferecem como cortesia um cházinho da tarde com um bolo ou alguma bolachinha.

A parte do café da manhã fica no térreo, com paredes de vidro e algumas mesinhas na parte de fora do jardim, o que eu amei porque tomávamos café vendo as pessoas passarem na rua e os passarinhos ficavam passando por lá.

O check out é às 10:00, mas caso você queira passear depois, eles disponibilizam um local para guardar malas e até mesmo uma ducha para tomar um banho rápido!

Hostel em Ilha Grande, Angra dos Reis

Se você estiver viajando sozinho por pouco tempo, como um final de semana ou feriado, hostels são a melhor opção de hospedagem em Ilha Grande, já que você tem chances de encontrar alguém para conversar, fazer passeios e interagir com pessoas do mundo todo por um preço acessível.

Trabalho voluntário em Ilha Grande

Se você tiver tempo, essa é a melhor coisa que você pode fazer. Quando você faz trabalho voluntário em Ilha Grande, você troca trabalho por hospedagem e, muitas vezes, você pode conseguir também o café da manhã e até mesmo alguma outra refeição, economizando um belo dinheiro.

Mas os benefícios de fazer trabalho voluntário vão além de ter onde ficar em Ilha Grande, porque como você trabalha, você entra na rotina local e consegue conhecer detalhes da cultura que você não perceberia se estivesse apenas como turista. Você cria laços com pessoas, tem liberdade e explorar o local por conta própria e cria uma espécie de casa fora de casa, o que é impagável.


pousada angra dos reis

Eu encontrei algumas opções de troca de trabalho por hospedagem em Ilha Grande com a Worldpackers com feedbacks muito positivos! Então se você tiver tempo, vontade de trabalhar em um ambiente descontraído, cercado pela natureza e em contato com a cultura local e internacional, escolha um host que tenha o seu estilo e vá com tudo, vai ser incrível!

Eu já fiz troca de trabalho por hospedagem no Egito, na Bolívia e na Argentina e posso dizer que esse tipo de experiência é viciante, os laços e as memórias que eu criei, além da forma que passei a ver o mundo me tornaram uma pessoa muito mais empática, flexível e mente aberta, fora os lugares que conheci fora da rota turística.

Com essas informações que eu passei até agora você já vai conseguir ter uma experiência muito boa! De qualquer forma, tenho mais algumas dicas para você aproveitar mais e economizar em Ilha Grande, confira:

6 Dicas para economizar em Ilha Grande, Angra dos Reis

  1. Para economizar com água, encha a sua garrafa de 1,5 L na pousada ou hostel que você estiver hospedado. Dessa forma, você economiza pagar R$ 5,00 pela garrafa de água.
  2. Escolha uma hospedagem com café da manhã incluído, porque assim você toma um bem reforçado e se mantém nos passeios com seus lanchinhos.
  3. Se quiser comer uma pizza gostosa, vá na ‘’Pães & Cia Ilha Grande’’ é uma padaria, mas a pizza é muito boa, massa fininha, ingredientes de qualidade e preço justo.
  4. Conheça o ‘’Ateliê Cafeteria Ilha Grande’’, é um restaurante em frente a praia, com comida muito bem feita, drinks deliciosos e opções vegetarianas e veganas muito gostosas e preço bom!
  5. Evite tomar banho na praia do centro da Ilha Grande - Abraão: por mais que algumas pessoas nadem e ela seja limpa, não é tão recomendado para banho porque muitos barcos param por lá.
  6. Preserve a Ilha Grande! Evite o uso de plásticos, leve seu canudo e copo reutilizáveis, retire seu lixo e recolha quando você encontrar algum pelo caminho!

O que levar para Ilha Grande, Angra dos Reis

Para deixar esse guia mais completo, decidir fazer uma listinha para te ajudar a preparar a sua mochila e ela foi baseada no que eu levei em uma mochila para 4 dias.


o que fazer em ilha grande angra dos reis rj

Escolha itens leves, que combinem entre si para ter mais opções de looks e lembre-se que você vai carregar a sua mochila. Não recomendo mala de rodinhas, porque em Ilha Grande a maioria das ruas é de terra batida e paralelepípedos. Confira:

Com esse guia, você já sabe o que fazer em Ilha Grande durante três dias de estadia, porque você já sabe como chegar, onde ficar, o que levar e o que fazer por lá. Tentei reunir o máximo de informações para você e espero que seja útil para o seu planejamento.

Eu sei que não é um destino tão comum, tanto que eu nem estava com tantas expectativas antes de ir. Eu e minha mãe temos uma amiga que nasceu em Ilha Grande e sempre vai para lá e ela sempre falou que deveríamos conhecer, finalmente decidimos ouvir o conselho e foi uma surpresa muito boa.

Além de todas as belezas naturais da Ilha, o que mais me surpreendeu foi que eu me senti em um mundo alternativo, porque por onde eu andava eu escutava idiomas diferentes, via pessoas de várias idades e estilos, as ruazinhas parte com chão de terra e parte com paralelepípedos dando um charme extra, toda noite tinha uma cantora em um bar na rua da praia com sua voz doce ecoando pelas ruazinhas. 

Além de tudo, a sensação de segurança me permitiu viver uma experiência leve, focando a minha energia em nada além de absorver toda aquela cultura incrível! Por isso, viajar para Ilha Grande foi uma vivência única para mim e não vejo a hora de voltar para lá!

Minha última dica para você é: vá sem medo e prepare-se para se apaixonar por Ilha Grande! Até a próxima!


Dc1f26688e20dee86ea50588d7fc2eb8

Mila Tentando Ser Zen

Ago 24, 2020

Larguei o mundo corporativo para viver meu projeto de vida, o Tentando Ser Zen, dando aulas de Hatha Yoga, viajando e escrevendo! ________________...


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor