Quer uma passagem de até US$500 grátis?
Envie sua resposta até 31/07 e tenha a chance de ser premiado.

Onde ficar em Curitiba? Conheça os melhores hostels da cidade

Se está buscando onde ficar em Curitiba pagando pouco, confira aqui os melhores albergues da cidade e saiba como se hospedar de graça.

5min

 Onde ficar em Curitiba

Curitiba é uma cidade perfeita para quem gosta de contato com a natureza e atividades culturais. Mas onde ficar em Curitiba para ter uma boa experiência na cidade? Para conhecer novas pessoas e conseguir as melhores dicas de onde ir e o que comer, ficar num hostel é a melhor opção. 

Hostels, também conhecidos como albergues, têm muitas das facilidades de um hotel, porém com muito mais interação e atividades. Nesse tipo de acomodação é possível ainda participar de festas e até aulas de yoga, como nos exemplos que mostraremos abaixo. 

E se a sua passagem por Curitiba durar duas semanas ou mais, você ainda pode explorar a cidade enquanto se hospeda gratuitamente num albergue, sendo um voluntário Worldpackers

Nessa plataforma você troca suas habilidades por acomodação e outros benefícios, enquanto vive experiências incríveis. Para entender melhor como funciona, confira o vídeo abaixo:

Onde ficar em Curitiba?

1. Social Hostel 

Nossa primeira dica de onde ficar em Curitiba é no Social Hostel, que recebe hóspedes e voluntários. Esse hostel fica localizado no bairro Rebouças, que é muito próximo dos melhores bairros de Curitiba, como Água Verde e Batel.

Um dos diferenciais desse albergue em Curitiba é que ele oferece atividades de segunda-feira a sábado. Você pode participar delas tanto como hóspede, quanto durante seu voluntariado pela Worldpackers.

Segunda-feira – Festa Monday

Na segunda-feira acontece o mais interativo dos eventos desse hostel em Curitiba, que consiste em um encontro cultural com várias atrações como DJs, artistas convidados, expositores locais, drinks, venda de livros e o melhor sanduba de Curitiba.

A atividade vai das 18h às 23h e para quem quer continuar curtindo a festa sempre tem um after em algum bar, como o Wonka.

Terça-feira - InCena

Na terça-feira acontece a apresentação de uma cena de teatro realizada em parceria com artistas locais. É um evento muito interessante tanto para atores quanto para o público. 

Os artistas locais compartilham seus trabalhos e ganham visibilidade enquanto proporcionam entretenimento e momentos reflexivos para a plateia.

Quarta-feira – Yoga e Conversation Pub

Na quarta-feira existem dois eventos. Um é exclusivo para os hóspedes, que é uma aula de Yoga direcionada pelo professor K2, que acontece pela manhã. 

O professor é extremamente atencioso e tem muito conhecimento das técnicas do yoga. Ao final da aula, acontece uma sessão de acroyoga.



À noite, eles promovem o Conversation Pub, roda de conversa focada na troca de experiências e aperfeiçoamento de línguas estrangeiras. 

Ela é direcionada para estrangeiros de diferentes países que se sentam em uma roda para compartilhar suas experiências. Estrangeiros ganham uma caipirinha grátis nesse dia.

Quinta-feira – Quinta eu te conto e Family Dinner

Na quinta-feira também acontecem dois eventos: um de troca de experiências e outro gastronômico. O primeiro é uma oficina de contação de histórias, organizada por um mediador que propõe um tema específico para ser debatido.

Já o evento gastronômico é o Family Dinner, que tem o intuito de compartilhar receitas de diferentes regiões e países para todos os hóspedes do hostel.

Geralmente é decidido um prato típico (usualmente vegetariano) para ser feito pelos funcionários e voluntários da Worldpackers. Entre as opções estão caldo, pizza, lanches, macarrão, sushi e muito mais!

Sexta-feira – Caipirinha Night

Na sexta tem o evento mais brasileiro de todos: caipirinha free por 33 minutos para todos os hóspedes. Como muitos sabem, o álcool aumenta nossas social skills (cientificamente comprovado!). Assim, aumenta a interação entre os participantes.

Sábado – Drinking Games

No sábado, para encerrar a semana e começar a noite, tem os Drinking Games. Eles incluem jogos de perguntas e respostas, de acertar o alvo, de agilidade e de coordenação motora, entre outros. No geral, quem perde toma um shot de algum drink.



O melhor sanduba vegetariano de Curitiba

O sanduba foi uma alternativa vista para agregar uma pegada gastronômica sustentável e consciente para o hostel. Foi, também, uma saída que o albergue encontrou para sobreviver aos meses em que ficou fechado na pandemia. 

Existem um total de cinco opções e todos são vegetarianos ou veganos. Além disso, existe a possibilidade de pedir um pão de fermentação natural, que é simplesmente divino.

2. Hostel Matilda

Outra ótima dica de onde ficar em Curitiba trocando trabalho por hospedagem é o hostel Matilda. Atualmente, existem duas vagas abertas para voluntariar neste albergue: recepção e limpeza, ambos no turno da noite. 

Com 22 avaliações positivas na Worldpackers, essa vaga é elogiada principalmente nos tópicos "aprendizado e diversão" e "horas de atividade". Isso significa que a maioria dos voluntários que concluíram a experiência acharam o trabalho leve e recompensador. 



Esse albergue fica próximo a pontos turísticos como o Museu Paranaense e o Museu de Arte Contemporânea e é perfeito para quem procura onde ficar em Curitiba para  uma estadia mais longa. 

Além de economizar com hospedagem, o voluntário pode usar a cozinha equipada para preparar suas refeições, e conta com um dia livre na semana para curtir a cidade. 

O que fazer em Curitiba

Depois dessas dicas de onde ficar em Curitiba pagando pouco ou mesmo de graça, confira agora nossas sugestões das melhores atrações turísticas da cidade.

O Parque Tanguá tem o melhor pôr do sol de Curitiba



O Tanguá é um dos principais parques da capital paranaense. Ele fica localizado no bairro Taboão e abriga dois lagos, uma cachoeira e inúmeros jardins. A entrada é gratuita e o de lá você pode curtir um pôr do sol maravilhoso.

O Jardim Botânico é uma das maiores atrações de Curitiba



O Jardim Botânico de Curitiba é um dos mais conhecidos entre os jardins botânicos do país, sendo também um dos principais pontos turísticos de Curitiba.

Ele tem mais de 250 mil metros quadrados divididos entre uma estufa principal, o museu botânico, a Galeria das Quatro Estações, os Jardins das Sensações e muito mais.

O Museu Oscar Niemeyer (MON) vale sua visita



O Museu Oscar Niemeyer fica no Centro Cívico de Curitiba e é divido em dois prédios. A arquitetura dos edifícios por si só já é uma obra de arte. 

As exposições em cartaz no MON na época da sua visita, assim como horários de funcionamento atualizados, podem ser conferidos no site oficial.

E aí, gostou de saber onde ficar em Curitiba e das dicas de atrações turísticas por lá? Continue navegando no nosso blog para encontrar mais artigos relacionados, como nosso texto completinho sobre o que fazer em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha. 

Além disso, siga as redes sociais da Worldpackers para acompanhar as novidades: estamos no Instagram, no Tiktok e no YouTube!



Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor

Mais sobre esse tema