Categorias

Por que escolhi voluntariar no Felicidade Hostel

Depois de morar na Irlanda por quase quatro anos, voltei ao Brasil por três meses e decidi que este era o momento ideal para um ano sabático. Sem compromisso com emprego ou estudos, com algum dinheiro guardado, fiz as malas e comecei a jornada pela Europa.


61e4360684e15053bbcaf101a1b797b6

Morgana

Depois de anos em um emprego que me trazia dinheiro mas não felicidade, decidi deixar tudo pra tr...

Jun 30, 2018

Fachada do Felicidade Hostel

Eu havia conseguido hospedagem gratuita com amigos na Dinamarca, depois aluguei um apartamento em Lisboa por dois meses, mas havia uma lacuna de três semanas entre Portugal e a data do meu voo para a Tailândia.

Eu já havia sido Worldpacker anteriormente no Brasil e foi uma experiência fantástica, resolvi repetir. No continente mais caro do mundo eu precisava economizar.

Como amo Paris, procurei por algo na França e acabei descobrindo Mer. Há muitos anos tinha vontade de visitar o Vale du Loire e as avaliações sobre o anfitrião eram muito, muito positivas. Em três dias recebi a confirmação da minha vaga e voilà!

Além disso, amo aprender novos idiomas e sendo uma cidade pequena considerei também a oportunidade de aprender e praticar francês. As tarefas do hostel foram super importantes na hora da decisão, em funções que queria aprender ou melhorar.

Jardim do Felicidade Hostel

Basicamente qualquer viajante é um candidato em potencial para voluntariar no Felicidade, contanto que você tenha a energia e disposição necessárias para desenvolver as tarefas e aceitar desafios como um novo idioma, cultura e clima, não há o que te impeça de ser escolhido e vivenciar essa experiência incrível.

Escreva um e-mail bacana, fale um pouco sobre você, experiências anteriores, se tiver, o que gosta de fazer, como pode contribuir positivamente para o ambiente de trabalho e as relações interpessoais no anfitrião.

Enquanto voluntariei no Felicidade, respondi muitas mensagens e escolhi alguns Worldpackers. E-mails mais elaborados e escritos especialmente para o anfitrião (não apenas copiados e colados) fazem muita diferença.

Como o hostel é pequeno, fora da alta temporada só pode receber um voluntário por vez, sendo assim, não se chateie se não for escolhido naquele momento.

Se suas datas forem flexíveis você terá mais chances, o tempo de permanência também ajuda na seleção, como há todo um treinamento envolvido para que você execute as tarefas com perfeição, quanto mais tempo você puder ficar, melhor.



61e4360684e15053bbcaf101a1b797b6

Morgana

Depois de anos em um emprego que me trazia dinheiro mas não felicidade, decidi deixar tudo pra tr...

Jun 30, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar morganaruppenthal saber :-)


Comentários