Categorias

Primeira Viagem Internacional: dicas para se dar bem na sua


Bf5915b101170546565f2add5a1970e0

Juliana @ju.almaviajante

Turismóloga por formação e viajante por opção, sempre tive sede pelo novo, o diferente e o exótic...

Ago 10, 2018

Ansiedade é um sintoma comum na primeira viagem internacional

A primeira viagem internacional é aquela que todo mundo fica com frio na barriga, cheio de expectativa, dorme mais não dorme, e o que quase mata é não saber o que está por vir, mas sempre com um check list cheio de aprendizados, histórias e momentos bem longe da zona de conforto.

Com certeza, será uma das suas melhores experiências de vida, e se você se organizar e se programar, nada dará errado.

Reunimos aqui algumas dicas e sugestões para sua primeira viagem internacional ser inesquecível:

1. Roteiro da viagem

Um roteiro bem elaborado é fundamental na primeira viagem internacional

Tenho certeza que você já sabe qual será o seu destino. Por mais em dúvida que ficamos, sempre tem aquele destino preferido para esse momento super especial da primeira viagem internacional.

Caso tenha, vá montando aos poucos uma tabela no excel para ir se organizando, com datas, informações, lugares que tem em mente para visitar, o restaurante descoladinho que viu em um blog, a lojinha das bijus...enfim, tudo!

Em outra tabela anote os valores de tudo, principalmente dos voos, hotéis, passeios e transportes, aí já terá uma base de quanto irá investir nessa viagem. Neste momento coloque uma música de fundo e vá brincando, tirando e colocando itens, para ver onde pode economizar ou não, onde pode tirar um dia e talvez colocar em outra cidade, mudar datas de voos e por aí vai.

Lembrando que somente você pode dizer quanto irá gastar nesta viagem, pois o ideal não é saber sobre viagens e sim sobre seus gostos, programas e estilo de viagem, sendo uma questão que só você que está indo viajar poderá responder. Pergunte-se o que prefere: um hotel charmosinho ou um resort?

Sempre prefiro organizar o roteiro antes, ou ao menos colocar as datas com cidades e voos, para conseguir me organizar melhor e, a partir disso, começar a ver todos os outros pontos importantes.

Caso você não tenha nenhuma ideia de destinos, pesquise em blogs, filmes, séries, converse com pessoas que já viajaram para fora do país, e tente extrair ao máximo desses conhecimentos para se decidir.

Se não der certo, deixe esse excel salvo porque você vai utilizando e preenchendo com informações, conforme for se decidindo e descobrindo novos destinos e possibilidades.

2. Documentação e vacinas

Passaporte é um documento fundamental para uma viagem internacional

A documentação não é nosso primeiro item, mas é o item mais importante para sua  viagem internacional! Dependendo da situação, você pode até ter que voltar para casa por conta disso, então muita atenção aqui!

O documento oficial para você viajar para qualquer país é o passaporte, que pode ser solicitado através do site da Polícia Federal.

Caso você já tenha, fique atento à data de validade, pois muitos países solicitam que ele tenha, no mínimo, seis meses de validade a mais da data de volta da sua viagem.

Ou seja, se você pretende viajar em julho de 2018, seu passaporte deve ter a data de vencimento após fevereiro de 2019. 

Cada país possui uma regra específica, vale verificar quando começar a organizar sua viagem.

Outro documento muito importante é o visto, que funciona conforme os acordos diplomáticos de cada país. Os principais solicitados por brasileiros são: o americano, o canadense e o australiano. Ou seja, você não pode entrar nesses países se não tiver esses dois documentos, o passaporte e o visto.

Vale lembrar que para a Europa não é necessário visto para até três meses de permanência. 

Para alguns países da América do Sul, como Chile, Argentina, Uruguai, Colômbia, Venezuela, Equador, Paraguai, Bolívia e Peru, é permitida a entrada apenas com o RG, documento em boa qualidade e válido.

Para informações mais detalhadas sobre o passaporte e o visto, verifique diretamente com o consulado do país que você irá visitar.

A vacina de febre amarela é a única exigida em outros países e o ideal é tomá-la cerca de 30 dias antes, ou com um máximo de 10 dias antes de sua viagem.

Depois que tomar, você irá ganhar o certificado internacional de febre amarela, ele também deve estar na sua check list junto com os principais documentos, principalmente se o país que você for em sua primeira viagem internacional exija obrigatoriamente a vacina.

Vale lembrar também que para voos com conexões, é necessário verificar entre as embaixadas e consulados se o país da conexão solicita visto de trânsito ou até o certificado internacional da vacina de febre amarela para esse período em trânsito em outro país. 

3. Passagem aérea 

As passagens aéreas são os principais custos de uma viagem

Depois dos documentos já encaminhados, é hora de focar no primeiro passo concreto para sua primeira viagem internacional acontecer, que é a compra da passagem aérea!

Adquirir a passagem aérea primeiro te dá chances de mudar datas - caso tenham promoções rolando, e até mudar algum trecho ou destino. Além do que, a passagem aérea é o serviço mais instável que você terá que comprar, porque as tarifas são inconstantes e mudam os valores a todos os momentos.

Dica: Se achar uma tarifa barata em bons voos, garanta a passagem logo! Para depois não correr o risco de ter que pagar super caro nos voos. 

Vale a pena ficar de olho em vários sites de busca, monitorando os preços durante algumas semanas e quando achar a tarifa desejada, compre diretamente nos sites das companhias aéreas.

Esteja seguro do lugar que quer conhecer, se realmente quer ir, independente das pessoas, se estará sozinho ou não, esteja seguro, porque depois que comprar a passagem, haverá gastos para cancelar ou alterar.

Agora que já decidiu o destino, é a hora de relaxar um pouco e começar a entrar no clima do lugar! 

Vale ver filmes que tenham sido gravados na cidade, ver séries, ler livros, guias, blogs, e claro, aproveitar pra destravar o idioma do destino, escutando músicas, com a ajuda de apps e diversas outras possibilidades. 

4. Hospedagem

Hospedagem pode ser uma das principais despesas em uma viagem internacional

O segundo ponto mais importante para sua primeira viagem internacional é a hospedagem. Deve ser escolhida com muita cautela, porque é o lugar que você vai passar mais tempo enquanto não estiver passeando pela cidade, seja dormindo, descansando ou comendo.

Além de pesquisar muito, ver indicações de amigos e pegar as anotações da sua tabelinha de excel, vale conferir sites de avaliações de hóspedes que já estiveram nos hotéis, como o tripadvisor.

Os principais pontos que gosto de analisar são: localização, instalações e a vibe do lugar, e benefícios - como wi-fi, café da manhã e estacionamento.

Sempre que for escolher uma hospedagem em uma cidade bem estruturada, seja para uma viagem curta ou para seu voluntariado com a Worldpackers, dê preferência para locais com boa localização, de fácil acesso ao transporte público da cidade de acordo com seus interesses, pois facilitará muito a sua locomoção nas cidades, você pode economizar com transporte e fazer muita coisa à pé.

5. Moedas e cartões 

Para comprar moeda, no início do planejamento para sua primeira viagem internacional, vale pesquisar em sites comparadores e ficar de olho por alguns dias seguidos, verificando se o câmbio sobe, ou desce e ir comprando aos poucos.

Se você não tiver tempo para isso, dá para ligar diretamente nas casas de câmbio e tentar negociar. Muitas vezes, dependendo do montante que deseja adquirir, eles dão bons descontos.

Quando for retirar o dinheiro, pense em sua segurança. Escolha casas que fiquem dentro de shoppings, em locais com estacionamento e que tenham certa privacidade para a retirada.

Não se esqueça do cuidado no destino também, providencie uma doleira e fique o tempo todo com ela embaixo da blusa.

Imprevistos acontecem com todos, mas não deixe de levar pelo menos uma pequena quantidade de dinheiro em espécie para a sua locomoção entre o aeroporto e a sua acomodação.

Evite trocar dinheiro no aeroporto, que sempre tem taxas mais altas, assim como hotéis e alguns bancos. Se achar melhor, troque o restante em casas de câmbio no centro da cidade, pois as cotações são bem melhores que no aeroporto.

Começando a se organizar com o dinheiro, já veja se seu cartão de crédito é internacional, e se você poderá usar em sua viagem. Caso não seja, normalmente basta ligar para a administradora do cartão e solicitar o desbloqueio.

Lembrando que, para toda compra que você fizer no cartão, terá que pagar o IOF de 6,38%, que já vem embutido na fatura, e o câmbio, será o do dia do fechamento da fatura, e não o câmbio do dia de suas comprinhas.

6. Seguro viagem

O seguro viagem é aquele item importante, mas que se bobear, acaba passando batido e você o esquece. 

Dependendo do destino, o seguro será obrigatório, como na Europa com uma cobertura mínima de 30.000 euros, então vale pesquisar e comparar em várias seguradoras, ou sites comparadores de preços.

Para qualquer destino no mundo, é sempre bom ter um seguro, mesmo não sendo obrigatório, porque tudo pode acontecer em sua viagem e o melhor é estar prevenido né?!

Já pensou ficar doente na viagem, ou até mesmo se na imigração solicitarem o seguro, e aí? Melhor prevenir e não usar, do que ficar sem e precisar. 

Você pode até verificar com a seguradora de seu cartão de crédito se tem direito ao seguro que eles oferecem para seus clientes.

A maioria das pessoas fecha o seguro bem próximo à viagem, com uma ou duas semanas de antecedência, ou seja, tá chegando o dia do embarque em sua primeira viagem internacional! Anime-se, porque é agora que fica melhor ainda!

7. Bagagem

Na primeira viagem internacional, cuidado com a bagagem é fundamental

Cada companhia aérea tem uma regra, dependendo da tarifa que você adquirir ela pode mudar, então confirme antes de sua viagem. Basicamente, você tem direito a levar uma mala de mão e duas malas despachadas.

Na mala de mão, leve tudo de valor, dinheiro, documentos e os eletrônicos. Costumo colocar uma muda de roupa simples, caso a bagagem despachada seja extraviada, porque quando isso acontece, ela pode demorar alguns dias para chegar a seu hotel.

Vale fazer uma pequena listinha para não se esquecer de nada, com tudo que precisa levar, como o passaporte, visto, RG, e-ticket da passagem aérea, confirmação da hospedagem, seguro viagem, dinheiro, cartões, câmera, notebook... e por aí vai.

Na mala despachada, coloque todo o restante, com roupas, sapatos, acessórios e nécessaire. Lembre-se de fotografar a mala por fora e por dentro, com os objetos, porque se ela for extraviada, você terá como comprovar qual é a sua mala e seus pertences.

8. No aeroporto (embarque e desembarque) 

dicas de cuidados no aeroporto para sua primeira viagem internacional

Um dia antes do grande dia faça o check-in online em seu voo no próprio site da companhia aérea, dessa forma você evita a fila dos guichês no aeroporto e já pode ir direto despachar sua bagagem.

Em sua bolsa, carregue uns lanchinhos para não cair na tentação de comprar tudo que olhar pelo aeroporto enquanto aguarda o embarque começar. Aproveite para levar uma garrafa de água vazia e, depois que passar no raio-X, pode encher nos bebedouros do aeroporto.

Assim que o embarque começar, tenha em mãos o e-ticket, o passaporte e toda sua vontade de conhecer e explorar o desconhecido. Porque aquele momento tão esperado chegou e está prestes a te trazer muitos aprendizados, experiências e vivências.

Tenha uma caneta na bolsa para preencher o formulário de imigração, entregue no aeroporto ou durante o voo, que deve ser entregue no aeroporto após o seu desembarque.

Nesta mesma hora, você terá que passar pela imigração, apresentar seu passaporte e talvez responder algumas perguntas básicas, como: Qual número do seu voo? Fica aqui até quando? Veio a turismo? E então, é hora de realmente acreditar que chegou e vai aproveitar muito, depois de toda a organização da sua primeira viagem internacional. 

9. No destino

Agora é hora de aproveitar e utilizar todas as dicas e informações que deixou lá no excel. Já te digo uma coisa, aproveite para caminhar e desbravar as cidades por todos os cantos.

Se deixe levar, caminhe para conhecer lugares que ninguém viu e se desprenda dos principais pontos turísticos. Descubra algo novo para compartilhar com seus amigos!

VÁ! Com a mente aberta, disposto a conhecer, aprender, crescer, experienciar e vivenciar. Não deixe que nenhum obstáculo te prenda. 

Sempre tenha uma folha em branco em mente, e quando estiver lá, deixe que o destino se mostre e vá se desenhando na folha para você, junto com as pessoas que for conhecendo, as experiências que for tendo e os aprendizados que for adquirindo!

Aproveito para sugerir alguns lugares para sua primeira viagem internacional! 

10 destinos para sua primeira viagem internacional:

1. Buenos Aires

Além da proximidade com o Brasil e o idioma ser o espanhol, Buenos Aires é uma cidade bem receptiva. Com clima bem parecido com o de São Paulo culturalmente, a capital argentina pode ser uma ótima pedida, além de sempre ter preços bem em conta de passagens aéreas saindo do Brasil.

Buenos Aires é uma capital muito receptiva para uma primeira viagem

2. Roma

Por ser berço da arte, cultura e história, Roma pode ser facilmente o destino de sua primeira viagem internacional. O idioma não é dos piores de ser compreendido, a culinária é muito familiar, além dos italianos serem super abertos e receptivos. 

Se a primeira viagem internacional for para Europa, Roma é um bom destino

3. Cusco

Para quem tem perfil de desbravador, conhecer Cusco, suas histórias e toda a região, é um prato cheio! O lugar é o ponto de entrada para a cidade inca de Machu Picchu, além de toda sua cultura e tradições serem incríveis, a região reserva muito misticismo e histórias milenares. 

Cusco é mais uma cidade sul americana que vale ser visitada

4. Barcelona

A cidade conhecida pelas artes de Gaudí é um presente cheio de contrastes da arquitetura antiga e moderna. Barcelona também é extremamente acolhedora com seus visitantes e possui uma diversidade sem igual. 

Barcelona é um bom destino para quem aprecia cultura

5. Lisboa

Além de o idioma ajudar muito e te dar um pouco mais de segurança para a sua primeira viagem internacional, Lisboa é a cidade dos miradouros e uma das mais lindas para apreciar o pôr do sol. Além de toda a arquitetura, belas paisagens, e moradores locais super-receptivos e generosos. Nem precisa falar das praias da região né?!

Para uma primeira viagem internacional na Europa, Lisboa é um dos destinos mais procurados

6. Paris

Paris é o sonho de muitos e uma ótima cidade para conhecer em sua primeira viagem internacional, porque possui toda a infraestrutura que um viajante necessita.

Paris é o sonho de muitos para primeira viagem internacional

7. Cartagena

Para os amantes de cultura, história e praias, Cartagena oferece tudo isso! Sempre com promoções de passagens, além de poder aproveitar a cultura, culinária e histórias da cidade amuralhada, você ainda pode dar uma esticada para algumas praias próximas e até outras ilhas, como San Andrés e Providência. 

Cartegema tem atraído cada vez mais turistas por suas lindas praias e história

8. Santiago

Santiago é perfeita para uma primeira viagem internacional mais tranquila. A cidade oferece tudo de infraestrutura, desde metrô até tours em vinícolas super próximas do centro da capital chilena. 

Pela proximidade com o Brasil, sempre há promoções de passagens, o idioma facilita muito e a cidade é encantadora, com diversas cenas, para todos os tipos de viajantes.

Santiago é uma capital muito segura para primeira viagem internacional

9. Amsterdã

Amsterdã é mágica, com todos os seus canais e aspectos de cidade europeia. O idioma oficial é o holandês, mas você consegue se virar com o inglês facilmente, além de ter a oportunidade de visitar diversos destinos próximos, como Roterdã e a cidade das flores, Keukenhof.

Amsterdã é uma cidade muito charmosa e muitos viajantes amam

10. Montevidéu

Super próxima do Brasil, inclusive podendo ir de carro, o que é uma aventura e tanto, Montevidéu é uma cidade super tranquila para visitar em sua primeira viagem internacional. Perfeita para conhecer em um feriado prolongado, com muitas promoções de passagens aéreas, onde você poderá economizar bem. 

A capital do Uruguai é uma das mais seguras e charmosas

Além dos destinos sugeridos acima, inove em sua primeira viagem internacional. Faça com que ela seja realmente única, saia da zona de conforto e busque conhecer lugares que te façam querer explorar! 

Aproveite muito esse momento, que eu tenho certeza que será incrível e inesquecível. 


Bf5915b101170546565f2add5a1970e0

Juliana @ju.almaviajante

Turismóloga por formação e viajante por opção, sempre tive sede pelo novo, o diferente e o exótic...

Ago 10, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar jualmaviajante saber :-)


Comentários