Roteiro para aproveitar da melhor forma sua viagem para a Inglaterra

Esse pequeno país reúne um mundo de atrações. Confira uma sugestão de roteiro para sua viagem para a Inglaterra que eu montei para aproveitar ao máximo o país.


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Jan 24, 2019

Viajar sozinha por dezenas de países mudou minha vida. Desde 2012 compartilho no www.janelasabertas.com dicas e reflexões sobre viagens pra dentro ...

Dicas de roteiro para sua viagem para a Inglaterra

A Inglaterra é um país pequeno e que reúne uma quantidade impressionante de atrações. Viajar por lá é muito fácil e prático, seja de ônibus ou principalmente de trem. 

É possível, inclusive, comprar passes de trem que dão direito a viagens ilimitadas pelo país, permitindo fazer uma viagem para a Inglaterra sem muito planejamento prévio.

Tanto esses passes quanto a hospedagem na Inglaterra costumam ser caros, mas existem formas de baratear essa viagem. Uma delas é trocar trabalho por hospedagem, reduzindo assim o principal gasto do período passado na terra da rainha.

Outras dicas são: priorizar os muitos museus com entrada gratuita, usar passes de transporte público e comprar lanches baratos como sanduíches e papas de aveia pré-prontas em lojas de rede, como a Boots, que costuma até reduzir enormemente o preço de alguns itens no fim da tarde, quando estão perto de vencer).


Viagem para Inglaterra: dicas de roteiro

15 dias para curtir sua viagem para a Inglaterra

Minha sugestão para um mochilão pela Inglaterra é fazer base em Londres e se jogar nos bate-voltas a partir da capital, pra não ter que passar tantas vezes pelo cansativo processo de se deslocar com bagagem e fazer check-in e check-out.

Ainda assim, vale a pena escolher algumas cidades que tenham mais a ver com sua vibe pra passar uma ou duas noites e curtir com calma, indo além da maratona turística. 

O roteiro a seguir se baseia num hipotético mochilão pela Inglaterra com duração de 15 dias, mas pode (e deve!) ser adaptado de acordo com suas preferências. Com mais tempo, vale incluir outras partes do Reino Unido no roteiro, como a Escócia.


Viagem para Inglaterra: lugares para conhecer

Dias 1 a 6: Londres

Provavelmente seu voo vai chegar na capital, que também serve como ótima base para vários bate-voltas no seu mochilão pela Inglaterra

Londres é uma cidade grande e repleta de opções para preencher muitos dias de viagem. 

Recomendo passar pelo menos cinco dias inteiros por lá, mas certamente você vai ficar com vontade de voltar. Cosmopolita, Londres está sempre em transformação, e a cada visita é possível descobrir lugares novos.

Alguns destaques de um roteiro básico para uma primeira visita são: a Torre de Londres, o Palácio de Buckingham, St. James Park, Hyde Park, Camden Town, Regent Street, Oxford Street, Covent Garden, Notting Hill e museus como o Tate Modern, o British Museum, o Science Museum e o Natural History Museum. Também vale a pena conferir os mercados e feirinhas da cidade.

Se você quiser viver a rotina da cidade sem gastar com hospedagem, vale a pena aplicar pra uma das vagas de work exchange em Londres e arredores.


Viagem para Inglaterra: Londres 

Dia 7: Brighton

Considerada a cidade mais alternativa e LGBT friendly da Inglaterra, Brighton é uma antiga vila de pescadores cheia de charme. Ela fica a cerca de 1h de trem da capital inglesa e tem uma atmosfera retrô que, junto com seu belo píer, faz bonito nas fotos.

Mas o Brighton Palace Pier não é só uma carinha bonita: além do letreiro luminoso e da pegada vintage, ele abriga bares, barraquinhas de fish and chips e outras comidinhas, fliperamas, um mini parque de diversões e cadeiras de praia que podem ser usadas de graça.

Também vale visitar o Royal Pavillion, palácio com inspiração indiana por fora e chinesa por dentro, além de circular pelas lojas de marcas locais na região conhecida como The Lanes e de ver a cidade desde o topo do British Airways i360, a plataforma de observação móvel mais alta do mundo.

Fiquei com muita vontade de passar um período mais longo curtindo essa cidade fofíssima com calma. Uma forma de fazer isso é aplicar pra essa vaga de work exchange pertinho de lá.


Viagem para Inglaterra: Brighton 

Dia 8: Windsor

Essa pequena cidade abriga a residência oficial da rainha, o imponente Castelo de Windsor, onde a família real passa finais de semana e feriados. 

Ele é o maior e mais antigo castelo habitado do mundo, com mil aposentos. A viagem de Londres até lá dura entre 27 e 47 minutos, dependendo do trem.

Dia 9: Bath e Stonehenge

Conhecida por abrigar a única nascente de águas termais da Grã-Bretanha, tendo sido usada como spa pelos romanos, Bath ainda preserva ruínas de casas de banho com piscinas termais aquecidas. Além disso, a cidade vale a visita pela bela arquitetura e pela atmosfera refinada.

Outro fator que a faz conhecida é o fato de ter sido a morada de Jane Austen, famosa escritora britânica. De Londres para lá são 1h30 de trem. Também dá para combinar uma visita a Bath com tours que passam por outros destinos ingleses, como o mítico Stonehenge.

Dia 10: Oxford

Localizada a uma hora e meia de Londres, desde a estação de trem London Paddington, Oxford é uma cidade universitária charmosíssima. A universidade em si, criada no século 11, é a principal atração da cidade, sendo composta por 38 faculdades.

As bibliotecas Bodleyan são um dos destaques, com bela arquitetura gótica, e o Asmolean Museum, um dos principais museus de arqueologia do mundo. O Covered Market é outra ótima atração, reunindo produtos locais de doces a artesanato.

Dia 11: Cambridge

Outra cidade cuja vida gira em torno da universidade, Cambridge também fica pertinho de Londres: são entre 50 minutos e 1h30 partindo de London King’s Cross e Liverpool Station. 

O museu mais importante da Universidade de Cambridge é o Fitzwilliam, mas simplesmente caminhar pelas ruas da cidade já vale o passeio. Com destaque para os passeios de barquinho (“punting”, uma espécie de gôndola) pelos canais da cidade. Eles são oferecidos por estudantes e são um programa delicioso no verão.


Viagem para Inglaterra:  Cambridge 

Dia 12: York

Com mais de 2 mil anos, York exibe marcas da presença dos romanos, vikings e saxões, em ruas e prédios cheios de charme. 

Ela abriga a maior catedral gótica do norte da Europa, com impressionantes vitrais que sobreviveram às duas guerras mundiais, e uma enorme variedade de pubs (360, dizem: quase um por dia do ano).

De Londres até lá são duas horas de trem desde a estação King’s Cross. Outra opção é fazer um bate-volta a partir de Manchester – ou, caso queira curtir os pubs, passar a noite na cidade.

Dias 13 e 14: Manchester

Manchester foi muito importante pra história do Reino Unido e do mundo, com seu papel de destaque na revolução industrial. Além disso, ela tem uma noite animada e muitas atrações com entrada gratuita e é uma boa base pra visitar Liverpool.


Viagem para Inglaterra:  Manchester 

Quem ama futebol vai adorar o interativo National Football Museum e a visita ao Old Trafford, estádio do Manchester United. 

Além disso, você pode caminhar pelo centro, visitar a deslumbrante biblioteca John Rylands (conhecida por lembrar muito Hogwarts) e aprender mais sobre a história da democracia e dos direitos dos trabalhadores no Reino Unido no People’s History Museum.

O Museum of Science and Industry é legal pra crianças e a região conhecida como Northern Quarter é bem animada, com bares e restaurantes legais, lojas descoladas e muros grafitados. 


Viagem para Inglaterra:   bares de Manchester

Manchester tem boas opções de vagas pra trocar trabalho por hospedagem, ótimo pra quem quer ficar mais tempo. A partir de lá também é fácil subir pra cidades como a linda e bem preservada Edimburgo, na Escócia.

Dia 15: Liverpool

Por séculos a vida em Liverpool girou ao redor do porto da cidade, que era um dos mais importantes do país. Atualmente, no entanto, não há dúvidas de que a fama da cidade tá ligada a outro aspecto: os Beatles. De Manchester pra lá são apenas 30 ou 50 minutos de trem.

Mesmo para quem não é um grande fã da banda, é muito interessante conhecer mais sobre a história dos Fab 4 na cidade onde o grupo surgiu. 

Se você fala bem inglês, não deixe de embarcar no passeio de ônibus Magical Mystery Tour, que passa por lugares relacionados à banda e termina no mítico pub The Cavern, onde tem música ao vivo todo dia a partir das 11h.

Outras atrações beatlemaníacas são o museu The Beatles Story, que tem audioguia em português, e a visita às casas onde John Lennon e Paul McCartney cresceram, que deve ser reservada com antecedência.


Viagem para Inglaterra:  Liverpool

Você já fez um mochilão pela Inglaterra ou planeja fazer? Incluiria outras cidades nessa lista? Conta aí nos comentários!


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Jan 24, 2019

Viajar sozinha por dezenas de países mudou minha vida. Desde 2012 compartilho no www.janelasabertas.com dicas e reflexões sobre viagens pra dentro ...


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor