Categorias

Trabalho em troca de hospedagem: quais são os tipos de vaga?

Ouviu falar em trabalho em troca de hospedagem, mas não faz ideia de que tipo de trabalho é esse? A resposta é simples: o céu é o limite! Algumas funções são mais comuns, como ajudar na recepção de albergues, mas dá pra encontrar vagas de work exchange nas mais diversas áreas de atuação.


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Quatro intercâmbios, um mestrado no exterior e rolês por 27 países me ajudaram a superar insegura...

Jun 14, 2018

Pintar paredes é uma das funções que você fazer para trabalhar em troca de hospedagem

Alguns desses trabalhos podem ser feitos por qualquer pessoa com disposição, enquanto outros requerem algum conhecimento prévio específico. Nesse caso, o voluntariado pode servir não só para economizar e viver experiências incríveis durante a viagem, mas também para acrescentar ao seu CV, né?

Quer ver alguns exemplos de funções de trabalho em troca de hospedagem que você encontra em sites como o Worldpackers? Olha só:

1. Receber e ajudar hóspedes

Essa é, como mencionei, uma das funções mais solicitadas pelos estabelecimentos que oferecem trabalho em troca de hospedagem. Normalmente não é exigida experiência para esse tipo de vaga, que consiste basicamente em trabalhar na recepção de um hostel, pousada ou hotel.

Fazer check-ins e check-outs, levar os hóspedes até o quarto e tirar dúvidas sobre a hospedagem e a cidade são algumas das tarefas comuns nessa área. É uma boa opção pra quem gosta de estar em contato com o público e especialmente pra quem pensa em trabalhar em hotelaria e quer entender de verdade como o negócio funciona.

Em alguns lugares, você assume um turno completo na recepção, enquanto em outros basta cobrir os horários de intervalo dos funcionários ou apoiá-los enquanto trabalham. Que tal ir pra lugares incríveis como Buenos Aires, por exemplo, nesse esquema?

2. Comunicação e marketing

Caso você tenha experiência com marketing, tenha feito (ou esteja fazendo) graduação em comunicação ou design, ou apenas leve muito jeito pra coisa, é possível encontrar trabalho em troca de hospedagem nessa área.

Muitos lugares, desde albergues a ONGs, procuram pessoas criativas pra ajudar a divulgá-los, quase sempre com foco em comunicação digital. Nesse caso podem ser exigidas habilidades específicas dependendo da função. Alguns exemplos de atuação são gerenciamento de redes sociais, marketing de conteúdo, design gráfico, fotografia e vídeo.

Trabalhei nessa área no Budapest Budget Hostel, na Hungria, convivendo com gente de vários países enquanto desvendava a cidade e produzia conteúdo para o albergue. Uma das melhores experiências da vida!

3. Divertir e entreter hóspedes

Se você leva muito jeito com pessoas e adora uma farra, esse tipo de função nem vai parecer trabalho. Sim, parece mentira, mas tem vários lugares pelo mundo afora oferecendo hospedagem e pedindo que, em troca, você divirta pessoas. :)

Esse tipo de função envolve desde tocar instrumentos para entreter a galera no próprio albergue, como nesse hostel em Olinda, a ser guia em pub crawls e passeios diurnos pela cidade. Uma ótima forma de conhecer gente e explorar o lugar aonde você vai, né? Tudo isso sem muitos pré-requisitos além de falar inglês e ser desenrolado(a).

Algumas funções para trabalhar em troca de hospedagem nem parecem trabalho

4. Reformar e decorar

Essa é pra quem tem habilidades manuais, experiência com reforma e construção ou conhecimento sobre decoração. Vários albergues, pequenas empresas, casas e ONGs estão, enquanto você lê esse texto, à procura de alguém que possa consertar algo ou dar uma nova cara aos ambientes. E aí cabe de tudo: pintar paredes, fazer móveis, criar ilustrações, executar pequenos reparos...

Ficou interessado? Tem vaga nessa área na Pousada Brunello, em Paraty (RJ), onde trabalhei em troca de hospedagem e vivi alguma semanas inesquecíveis. Recomendo muito.

5. Ensinar e compartilhar

Falar idiomas, entender de TI, ser bom em esportes: essas são algumas das habilidades que você pode compartilhar com os outros através de programas de work exchange. Seja como for, uma coisa é certa: você vai aprender muito mais do que ensinar.

Algumas opções são ensinar inglês na Espanha ou na Chapada Diamantina, ou dar aulas de esportes na Costa Rica, por exemplo.

6. Trabalho comunitário

Quer dar um sentido maior à sua viagem? Se o que você procura é uma oportunidade de trabalho comunitário, também não falta variedade: dar aulas, executar projetos artísticos, ajudar com tarefas administrativas, arrecadar fundos... São muitas as possibilidades nessa área, desde um projeto de clown no México a uma ONG no Camboja.

Serviço comunitário é a opção mais conhecida de voluntariado

7. Cuidados com a natureza

Pra quem busca um contato maior com a natureza e uma mudança de perspectiva sobre nossa relação com o meio ambiente, recomendo buscar iniciativas com uma pegada ecológica. Em alguns casos é preciso ter já algum conhecimento em agricultura ou jardinagem, mas muitos lugares se dispõem a ensinar aos voluntários sobre essas atividades.

Vários desses espaços trabalham com permacultura e promovem a espiritualidade, oferecendo meditação, yoga e outras práticas interessantes. Um exemplo de projeto ecológico é essa comunidade na Colômbia, que oferece oportunidades de trabalho em uma horta orgânica.

8. Cozinha e bar

Se você tem experiência trabalhando em bares ou restaurantes, estuda gastronomia, quer atuar na área ou simplesmente arrasa na cozinha ou nos drinques, essa função tá te esperando. Rola trabalhar fazendo comida, ajudando o chef, lavando os pratos, atendendo no bar, fazendo coquetéis e até definindo o menu da casa.

Dependendo do trabalho específico, você pode aprender novas receitas e desenvolver habilidades úteis para várias áreas da vida, como agilidade e trabalho em equipe. Ou no mínimo se divertir um bocado! Essa é sua praia? Então veja essas vagas de cozinheiro em Portugal e bartender na Turquia.

9. Melhorias em sites e SEO

Se entende melhor com os códigos do que com pessoas? Sem problemas: habilidades de programação são muito requisitadas por estabelecimentos que precisam criar ou fazer ajustes em sites e melhorar seu posicionamento em mecanismos de busca.

Se você tem os conhecimentos necessários, aproveite para viver uma (ou várias) experiências de trabalho em troca de hospedagem e ainda incrementar o currículo. Existem oportunidades na área nos quatro cantos do mundo, do Recife à Rússia.

Melhorias no site também é uma função para trabalhar em troca de hospedagem

10. Tarefas de casa

Pensa que são só estabelecimentos comerciais que topam essa história de trabalho em troca de hospedagem? Que nada! Pequenas fazendas e casas de “pessoas físicas” também são opções para quem se dispõe a fazer tarefas de casa, como arrumar, limpar e cuidar de animais ou crianças. Você pode morar na Califórnia ou na Suíça, por exemplo. Nada mau, né? ;)


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Quatro intercâmbios, um mestrado no exterior e rolês por 27 países me ajudaram a superar insegura...

Jun 14, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar luisaferreira saber :-)


Comentários