Voluntariado na Europa: conheça 10 projetos sociais e ecológicos incríveis

Veja como fazer trabalho voluntário em projetos sociais e projetos ecológicos na Europa e viva experiências inesquecíveis, além de economizar uma boa grana.


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Cinco intercâmbios, um mestrado no exterior e rolês por 30 países me ajudaram a superar inseguran...

+ Ver mais

Set 11, 2018

Além de ser fácil e seguro, viajar pela Europa também pode ser uma grande fonte de aprendizado. Afinal, são vários países com culturas e histórias distintas, muitas vezes separados por uma passagem baratíssima de ônibus, trem ou avião. 

Quer forma melhor de aprender do que trabalhando como voluntário, conhecendo pessoas interessantes e criando uma rotina no lugar?

Separei uma lista de projetos ecológicos e projetos sociais na Europa disponíveis na Worldpackers para você ver como é possível fazer seu mochilão europeu de forma transformadora e econômica. Sim, porque mesmo com o Euro nas alturas, fazendo work exchange você pode percorrer o Velho Mundo sem gastar muito.

Olha só essas oportunidades de fazer a diferença e viver uma experiência inesquecível:

1. Agripunk - Arezzo, Itália

2. Ecoaldea Vegetariana - Cabeceiras de Basto, Portugal

3. Los Anchos - Jaén, Espanha

4. Enriquezarte - Barcelona, Espanha

5. Robur at The Oak - Lille, Bélgica

6. The Catfarm - Montpellier, França

7. Bhaktivedanta Manor - Watford, Reino Unido

8. The Farmacy - Bonigen, Suíça

9. Alexanders Strawhotel - Stuttgart, Alemanha

10. De Hobbitstee - Wapserveen, Holanda

10 projetos sociais e projetos ecológicos na Europa com vagas para voluntários:

1. Agripunk - Arezzo, Itália


Agripunk é um projeto na Itália que salva animais de maus tratos

  • Como é o projeto

Fundado em 2015, o Agripunk é um abrigo para animais resgatados de maus tratos. O lugar ocupa 26 hectares, sendo que 4 são cultiváveis, 20 dedicados aos animais e plantas e 2 abrigam as acomodações e armazéns. As casas são rodeadas por colinas, florestas e riachos. 

De acordo com os anfitriões, o projeto é ideal para veganos e pessoas engajadas na causa, mas é especialmente interessante para quem busca desenvolver uma nova visão sobre os animais e nossa relação com eles. Eles falam italiano e um pouco de inglês e espanhol.

  • Que atividades você pode fazer

As tarefas exigidas nesse projeto ecológico na Europa incluem limpar os estábulos, alimentar os animais, cozinhar e organizar eventos. A duração do trabalho é de oito horas por dia.

  • O que você recebe em troca

Esse anfitrião oferece aos participantes acomodação em quarto compartilhado, uso de cozinha compartilhada, banheiro com chuveiro e água quente, um dia livre por semana, bicicletas disponíveis e alimentos básicos como arroz, macarrão, frutas e vegetais.

  • Avaliações de viajantes

Esse projeto ecológico tem cinco avaliações de viajantes, com média de cinco estrelas. A worldpacker Andrea Ana María, da Colômbia, afirmou que "passou dias incríveis de aprendizado em um ambiente natural e rodeada de gente com muito o que contribuir", enquanto o mexicano Bernardo falou que os anfitriões trabalham duro para que os animais fiquem saudáveis e felizes. 

2. Ecoaldeia Vegetariana - Cabeceiras de Basto, Portugal


Eco aldeia com convivência colaborativa em Portugal

  • Como é o projeto

Essa eco aldeia no norte de Portugal fica em um terreno de 120 mil metros quadrados repleto de árvores, fontes de água e jardins comunitários. Os moradores do local se organizam em assembleia, tomando decisões por consenso e compartilhando espaços comuns. 

As atividades se baseiam nos princípios da permacultura e todos os habitantes seguem uma dieta vegetariana, sem consumo de álcool, tabaco ou drogas.

  • Que atividades você pode fazer

As tarefas solicitadas para essa vaga são bem variadas, incluindo cuidar de animais, fazer reparos e construção e jardinagem. São exigidas 18 horas de trabalho por semana.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios incluem dois dias de folga por semana, acomodação em barraca de camping, almoço e jantar e acesso à uma cozinha compartilhada.

  • Avaliações de viajantes

O projeto tem três avaliações com nota cinco. Segundo a brasileira Sara, a Ecoaldeia é um projeto bem estruturado: "seus idealizadores são pessoas incríveis, que desejam sobretudo transmitir os pilares de seu projeto para o mundo, tornando-o um lugar melhor", disse. 

O português Guilherme, que também foi voluntário por lá, afirmou que o lugar "está repleto de energia positiva e de pessoas fenomenais".

3. Los Anchos - Jaén, Espanha


Projeto ecológico na Espanha

  • Como é o projeto

Esse projeto oferece aos participantes a experiência de aprender sobre vida comunitária, autossuficiência, bioconstrução, agricultura ecológica, carpinteria, sobrevivência na montanha e elaboração e conservação de alimentos.

  • Que atividades você pode fazer

As tarefas incluem trabalho social, consertos e construção, cuidados com animais e jardinagem durante 30 horas por semana.

  • O que você recebe em troca

Os voluntários desse projeto ecológico na Europa recebem dois dias de folga por semana, acomodação em quarto privativo, café da manhã, almoço, jantar, lavanderia gratuita, passeios, festas, bebidas, curso de permacultura, carona na chegada e atividades de meditação e autoconhecimento.

  • Avaliações de viajantes

Com oito avaliações de voluntários e nota média cinco, esse projeto é muito elogiado pelos worldpackers. A brasileira Dayane afirmou que o lugar deixou nela "gostinho de quero mais", enquanto a mexicana Ania Yunen disse que conhecer o anfitrião foi uma das melhores experiências da sua vida. 

A palestina Nour, que escolheu esse projeto para seu primeiro work exchange, também fez muitos elogios: "O lugar fica no meio das montanhas, onde sua alma pode se conectar à natureza. Não há muita pressão para trabalhar e você fica livre para aproveitar o rio e os animais. José é muito legal e quer que você fique feliz e viva o momento", afirmou.

4. Enriquezarte - Barcelona, Espanha


Projeto sem fins lucrativos com projeto de três áreas sociais

  • Como é o projeto

O Enriquezarte é um projeto sem fins lucrativos com o objetivo de criar um espaço dedicado a três áreas principais: um centro sócio-cultural com várias oficinas (teatro de improvisação, circo, yoga, horta comunitária, inovações, artes etc.), um centro de desenvolvimento pessoal (coaching, meditação, inteligência coletiva) e um centro de treinamento profissional em gestão alternativa.

Trata-se, segundo a definição do próprio anfitrião, do desenvolvimento de “um lugar de autoexpressão radical, onde você pode ser você mesmo sem nenhum julgamento”. 

O espaço é criação de um engenheiro em mudanças climáticas, CEO de uma pequena empresa de consultoria e professor universitário que também dá aulas de empreendedorismo e teatro de improvisação.

  • Que atividades você pode fazer

Para essa vaga, procura-se pessoas que possam ajudar com engenharia, arquitetura, encanamento, pequenos consertos, decoração, artes, entre outras atividades, durante 30 horas por semana.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios incluem acomodação em dormitório compartilhado em um apartamento, dois dias de folga por semana, café da manhã, almoço, jantar, acesso à cozinha compartilhada, lavanderia gratuita, aulas de yoga e idiomas, terapias holísticas e certificado.

  • Avaliações de viajantes

O projeto Enriquezarte tem 14 avaliações de viajantes, com nota média 4,5. A mexicana Brissia disse que lá é possível "desenvolver suas habilidades e dar início à outras, através de uma coexistência agradável entre todos os participantes" e falou que ele "oferece outra visão da vida e do que você quer fazer com ela". 

Carmen, da Guatemala, afirmou que se sentiu em família e se apaixonou pelo projeto: "Foi uma experiência enriquecedora e muito importante para mim. Super recomendada!".

5. Robur at The Oak - Lille, Bélgica


Projeto de um espaço de acolhimento em construção na Bélgica

  • Como é o projeto

O The Oak é uma organização sem fins lucrativos em construção. Trata-se de uma pequena casa que pretende ser um espaço de acolhimento para pessoas com estafa por excesso de trabalho ou que busquem uma pausa das suas vidas caóticas para evitar o burn-out, além de servir para residências artísticas, oficinas e eventos.

  • Que atividades você pode fazer

As funções necessárias podem incluir ajuda na cozinha, reparos, decoração e construção ecológica, produção de vídeos, carpintaria e outros tipos de tarefas de acordo com as habilidades dos voluntários.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios são acomodação em barraca na floresta, em um pequeno quarto ou na sua própria van, além de cozinha e banheiro ao ar livre, dois dias de folga por semana, café da manhã, almoço e jantar.

  • Avaliações de viajantes

Esse anfitrião já recebeu 28 avaliações de viajantes, com nota média cinco. Mary, da África do Sul, falou que trata-se de um lugar para renovação e que o espaço "cria uma oportunidade para se conectar com a natureza, com as pessoas e principalmente consigo mesmo".

O brasileiro Vinícius, por sua vez, disse que a anfitriã Marieke é repleta de histórias interessantes e informações sobre a cultura belga, o italiano Domenico elogiou as refeições e falou que aprendeu sobre construção e sobre trabalho em equipe.

6. The Catfarm - Montpellier, França


Coletivo de viajantes em comunidade colaborativa no sul da França

  • Como é o projeto

A Catfarm é um coletivo de viajantes que trabalham para manter uma comunidade colaborativa, criativa e sustentável em uma fazenda próxima ao mar no sul da França. O lugar ganhou esse nome devido aos muitos gatos que costumavam habitar a área. São aceitos voluntários de todas as idades, incluindo crianças acompanhadas de responsáveis, desde que falem inglês fluente.

  • Que atividades você pode fazer

O projeto precisa de pessoas que trabalhem como eletricistas, encanadores, jardineiros, construção e reparos, ou então como produtores de conteúdo para redes sociais (vídeo, foto e texto), designers, cozinheiros, desenvolvedores web, professores de francês ou artistas, entre outras funções.

  • O que você recebe em troca

Os voluntários devem contribuir com 4 euros por dia para as três refeições diárias. Em troca dessa contribuição e de cerca de 5 horas de trabalho diárias, eles têm direito a acomodação em quarto compartilhado, barraca ou rede, dois dias de folga por semana, uso de bicicletas e lavanderia gratuita.

  • Avaliações de viajantes

A Catfarm tem 21 avaliações de viajantes e uma nota média de 4,5. A americana Shelby recomendou a vaga "para qualquer um que esteja em busca de uma experiência linda e recompensadora", enquanto a brasileira Letícia disse que seu período no projeto trouxe à tona uma nova forma de ver a vida, com um forte sentido de comunidade, o britânico Reaph disse que se sentiu bem-vindo e seguro no local e desenvolveu muitas habilidades.

7. Bhaktivedanta Manor - Watford, Reino Unido


Sede do movimento Hare Krishna no Reino Unido aceita voluntários

  • Como é o projeto

A Bhaktivedanta Manor ocupa um terreno doado pelo Beatle George Harrison, incluindo uma mansão, jardins e templo. O espaço é a sede do movimento Hare Krishna no Reino Unido e nele são promovidas palestras, aulas de yoga, sessões de meditação, cursos de culinária vegetariana e retiros.

  • Que atividades você pode fazer

Esse anfitrião precisa de voluntários para colaborar com a fazenda orgânica, efetuando tarefas que variam de acordo com a estação. São exigidas 27 horas de trabalho semanais.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios incluem acomodação em quarto compartilhado, café da manhã, almoço, jantar, carona na chegada, aulas de yoga e dois dias de folga semanais.

  • Avaliações de viajantes

O projeto tem sete avaliações de viajantes, com nota média 5. Wing Lam, de Hong Kong, falou que se sentiu em casa desde que chegou, que as comidas indianas eram deliciosas e que o trabalho era fácil, enquanto Yamile, da Argentina, disse que "foi lindo aprender sobre a comunidade Hare Krishna e sentir o amor e o serviço devocional".

8. The Farmacy - Bonigen, Suíça


Alimentos produzidos em fazenda orgânica em meio aos Alpes Suiços

  • Como é o projeto

A The Farmacy é uma fazenda orgânica localizada no coração dos Alpes Suíços. A região oferece várias atividades, como trilhas, passeios de bicicleta, escaladas e diversos outros esportes de aventura. 

O projeto também é uma cooperativa, com o objetivo de criar uma comunidade socialmente responsável que fornece alimentos para seus membros e os conecta com a origem das comidas.

  • Que atividades você pode fazer

Para essa vaga, procuram-se voluntários que ajudem com limpeza, arrumação e jardinagem, durante 20 horas por semana.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios incluem um quarto privativo com banheiro compartilhado, uso de bicicleta e refeições saudáveis e orgânicas (café da manhã, almoço e jantar), além de lavanderia gratuita e dois dias de folga por semana.

  • Avaliações de viajantes

Dois viajantes deixaram avaliações sobre esse projeto, ambos classificando-o com nota máxima. A brasileira Bianca falou, em seu depoimento, que os anfitriões são pessoas incríveis e o trabalho permite aprender muito sobre agricultura orgânica em um lindo cenário.

Já a argentina Yazmín disse que "são excelentes anfitriões, muito atentos, generosos e amáveis" e que o lugar "é realmente lindo, rodeado de montanhas e a 200 metros de um lago".

9. Alexanders Strawhotel - Stuttgart, Alemanha


Projeto para hospedagem de peregrinos que fazer o caminho de Santiago de Compostela

  • Como é o projeto

O Alexanders Strawhotel fica em uma parte do caminho de Santiago de Compostela e serve como local de hospedagem para peregrinos. A casa fica numa área onde se fala o dialeto Schwäbisch e que tem tradições culturais particulares, que o anfitrião faz questão de compartilhar com os voluntários. 

Nas proximidades do local também existem um lago, igrejas históricas e dezenas de castelos. De acordo com o anfitrião, nos últimos quatro anos ele já recebeu mais de 200 voluntários.

  • Que atividades você pode fazer

Esse projeto oferece oportunidades para quem quiser cozinhar ou trabalhar com reparos ou decoração.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios oferecidos incluem dois dias de folga por semana, hospedagem em quarto compartilhado ou barraca de camping, café da manhã, almoço, jantar, acesso à cozinha compartilhada, lavanderia gratuita, passeios, uso de bicicletas e carona na chegada.

  • Avaliações de viajantes

O anfitrião tem 9 avaliações de worldpackers, com nota cinco. O espanhol Oscar afirmou que "Alex é uma das melhores pessoas que já conheceu na vida" e que o lugar é muito tranquilo e bonito, enquanto o brasileiro Leonardo disse que o trabalho pode ser cansativo, mas a demanda é justa e que o anfitrião fez de tudo para que ele se sentisse confortável, dando aulas de culinária e levando-o a eventos para conhecer a cultura local.

10. De Hobbitstee - Wapserveen, Holanda


Comunidade colaborativa na Holanda que está construindo uma casa com princípios renováveis

  • Como é o projeto

A De Hobbitstee foi criada há 45 anos por um grupo de hippies e mudou muito com o tempo. Hoje ela é uma comunidade de 11 adultos e 7 crianças que buscam um estilo de vida autossuficiente, plantando as próprias frutas e vegetais orgânicos e cultivando uma comunicação aberta e não-violenta. Atualmente esse anfitrião está construindo uma casa baseada em princípios renováveis.

  • Que atividades você pode fazer

A vaga disponível nesse projeto ecológico na Europa é voltada para pessoas com experiência em construção ou carpintaria.

  • O que você recebe em troca

Os benefícios incluem acomodação em quarto compartilhado, café da manhã, almoço, jantar, banheiro coletivo com chuveiro com água quente, uso de bicicletas, lavanderia gratuita e dois dias livres por semana.

  • Avaliações de viajantes

Esse projeto tem seis avaliações e nota cinco. O mexicano Juan Carlos disse que se sentiu em casa, o trabalho é muito simples e os horários são ótimos, recomendando a experiência a quem está interessado em construção e interação com a natureza. 

A indiana Kanak também elogiou muito a experiência, dizendo que aprendeu algo novo todos os dias: "as pessoas, as paisagens, a comida e o trabalho vão fazer com que você queira ficar lá para sempre. Não perca a chance de conhecer esse lugar maravilhoso", disse.

Curtiu alguma vaga? Candidate-se! 

As vagas para esses e outros projetos sociais e projetos ecológicos na Europa oferecidos através do Worldpackers não incluem o pagamento de passagens aéreas, seguro viagem (obrigatório para a entrada nos países do Espaço Schengen, que inclui a maioria das nações europeias) e outros gastos não mencionados nas descrições das vagas.

Por outro lado, os benefícios vão muito além do que é oferecido em termos práticos: o que você vai ganhar em termos de aprendizado, diversão e satisfação por colaborar com projetos com valores positivos é imensurável.

Gostou de alguma das vagas acima? Acesse a página do anfitrião e entre em contato para obter mais informações. Você também pode entrar em contato com viajantes que foram voluntários lá antes. Se tiver alguma dúvida mais geral sobre projetos ecológicos e projetos sociais na Europa, é só falar nos comentários!


Db952c3c88cb2cdc74478d9e6336a301

Luisa

Cinco intercâmbios, um mestrado no exterior e rolês por 30 países me ajudaram a superar inseguran...

+ Ver mais

Set 11, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Luisa saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor