É possível viajar o mundo como freelancer de programação?

Quer saber como você programador pode se tornar um freelancer viajante? Descubra em que consiste esse trabalho, o que é preciso e quanto ganha um freelancer de programação.

5min


97035256ae6fe63c5de5595e3f25d3fe

Nathalia

Out 15, 2020

Criadora do blog Onde Vim Parar, desenvolvedora de aplicativos, leitora de romances históricos e fantasias, apaixonada por animais, voluntária de a...

programador-freelancer

Uma galera que trabalha com programação sonha em viajar o mundo, mas muitas rotinas profissionais exigem a permanência do funcionário ou funcionária em um local fixo. Com toda certeza, um trabalho que seja flexível e remunere bem o suficiente para viajar parece clickbait, e a gente não cai nessas.

Ou não costumava cair, por que eu vim aqui te contar que esse trabalho pode ser mais real do que imagina. Uma pessoa freelancer de programação usa a internet como meio de trabalho, e pode realizar seu job de qualquer local do mundo com uma vantagem essencial: receber em diversas moedas.

Quer saber como você pode fazer parte desse grupo e realizar o sonho de conhecer o mundo enquanto trabalha como programador freelancer? Respondi essas 5 perguntas que sempre recebo: 

  1. O que é um freelancer de programação?
  2. Para quem é esse trabalho?
  3. O que eu preciso para ser um freelancer de programação?
  4. Quanto ganha um programador freelancer?
  5. Quais os melhores sites para freelancers de programação?

Quer saber as respostas? Continue lendo! Ficou com mais dúvidas? Escreve pra mim nos comentários!


freelancer-de-programacao

O que é um freelancer de programação?

Os freelancers não estão diretamente relacionados com as empresas que trabalham. Em outras palavras, não tem vínculo ou contrato empregatício. A pessoa é responsável pela sua própria gestão. Por extensão, freelancer de programação é uma pessoa freelancer que trabalha na área de programação ou desenvolvimento de softwares e aplicações web. Eu, por exemplo, desenvolvo o app da Worldpackers!

Benefícios de ser freelancer de programação:

  • Escolher para quem trabalhar
  • Estipular quantas horas por dia você quer trabalhar
  • Não ficar a mercê de um projeto ou linguagem específica
  • Poder usar seus próprios softwares e hardwares
  • Ter tempo de trabalhar em outros projetos paralelamente
  • E, principalmente, poder trabalhar de qualquer lugar do mundo

nova york nomades digitais

As desvantagens também estão aí, pra gente botar na balança:

  • A perda da estabilidade fornecida por um contrato de trabalho
  • Ausência dos benefícios como 13º e férias remuneradas
  • O trabalho em equipe se torna mais raro
  • Dificulta o desenvolvimento de um networking

Para quem é esse trabalho?

Antes de decidir que você quer começar uma carreira de freelancer de programação, é importante destacar que nem tudo é tão fácil no princípio. A pessoa freelancer tem que ter noção de que ela será o seu próprio negócio, ou seja, todas as tarefas de marketing, vendas, publicidade, administração e contabilidade serão de sua responsabilidade.


programador-freelancer-quanto-ganha

Além disso, no começo, provavelmente você passará mais tempo procurando por clientes e criando sua marca pessoal. Quando clientes aparecerem, os serviços serão irregulares, assim como a renda acumulada. Superados esses obstáculos, o trabalho de freelancer de programação poderá valer a pena e ser muito rentável.

Por conta de todos esses fatores, é essencial que a pessoa que se interesse por esse modelo de trabalho não tenha medo de criar relações e contatos, seja resiliente e consiga balancear vida pessoal e profissional, sem que uma invada o espaço da outra.

Também, é importante que a pessoa consiga se motivar facilmente e, obviamente, seja apaixonada por programação. Fora isso, organização e gestão de tempo são essenciais para evitar problemas como a procrastinação.

O que eu preciso para ser freelancer de programação?

Para ser um freelancer de programação, você precisa de um bom acesso à internet, um computador que suporte as aplicações, e, naturalmente, saber programar! Ser uma pessoa atenta às tendências do mercado e suas exigências, assim como ter um bom repertório de linguagens e frameworks é o que pode ser definitivo dentro do mundo freelancer.

Caso seja uma pessoa que está se inserindo agora na área da Tecnologia da Informação e quer aprender a programar melhor, existem algumas opções para tal. Primeiro, é possível aprender tudo de maneira independente por meio de guias e tutoriais na internet, tirando dúvidas sempre que necessário em blogs com profissionais experientes.


america-do-sul-nomades-digitais

Se a ideia é um aprendizado mais consistente e reconhecido, pode-se optar pelos cursos universitários em uma das inúmeras faculdades existentes. Entretanto, nem sempre essa opção é a mais rápida e direcionada para a área de programação. Para isso, existem cursos especializados que podem auxiliar na construção do conhecimento.

Outra competência que é reconhecida na área é comunicar-se em uma segunda língua, como a língua inglesa. Muitas empresas e startups estrangeiras podem estar procurando freelancers de programação.

Quanto ganha uma pessoa freelancer de programação?

Por ser uma carreira instável, é complicado tentar medir valores médios de salários, já que esses variam bastante. Em uma tentativa, uma pesquisa indicou que:

  • Freelancers de programação no Brasil recebem em média entre 21 e 30 dólares norte-americanos por hora de trabalho
  • Para freelancers iniciantes, o valor cai para 11-20 dólares norte-americanos

Lembrando que esse valor é um valor médio para pessoas programadoras iniciantes de qualquer área, seja ela front-end, back-end, mobile ou Full Stack.



3 sites para freelancers de programação

Conheça agora algumas plataformas que auxiliam na conexão entre clientes e freelancers de programação:

Freelancer

Não poderíamos deixar de iniciar essa lista com um dos maiores mercados de serviços freelancers que existe atualmente. O Freelancer dispõe de uma ampla variedade de serviços e conta com 24 milhões de pessoas usuárias cadastradas.

Workana

A Workana é uma plataforma que vem fazendo muito sucesso entre as pessoas freelancers de programação brasileiras. Seu funcionamento é bem simples: você cria uma conta, publica um projeto, avalia as propostas feitas por clientes e decide se aceita ou não. O site fornece tudo para que o planejamento seja feito pelo próprio site, pela segurança da pessoa usuária.

99Freelas

Essa plataforma desenvolvida no Brasil inclui serviços de empresas de todo o país e também conta com uma grande variedade de áreas para se trabalhar. Depois de cada serviço, você recebe uma pontuação que poderá ajudar a aumentar sua visibilidade dentro do site.

Outras opções ainda incluem Toptotal, Upwork, e Trampos.co. É importante sempre prestar atenção nas taxas e nos serviços pagos disponíveis por essas plataformas para ter certeza que atende às necessidades e está dentro do orçamento.



Ser freelancer de programação pode ser uma ideia excelente para aqueles que almejam uma vida de trabalho remoto, com a possibilidade trabalhar do local em que quiser, podendo conhecer o mundo. Mas é claro, é preciso manter sua atenção e foco para conseguir se estabilizar nesta modalidade de trabalho.

Curtiu esse texto? Essa foi uma parceria entre a Worldpackers e a Trybe, uma escola online que te ajuda a acelerar sua carreira como programador freelancer pelo mundo!


97035256ae6fe63c5de5595e3f25d3fe

Nathalia

Out 15, 2020

Criadora do blog Onde Vim Parar, desenvolvedora de aplicativos, leitora de romances históricos e fantasias, apaixonada por animais, voluntária de a...


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor