9 atrações gratuitas para conhecer durante sua viagem para a Espanha

Saiba onde encontrar monumentos históricos, museus e parques com entrada na faixa e aproveite ainda mais sua viagem para a Espanha.


5c3ac302eb4c22f28c43744a1174b392

Dez 10, 2018

Half Brazilian, half Spanish, completely into discovering the world. I left my Public Relations career behind in March 2017 to start traveling and ...

Fatores como a alta do Euro ou orçamento apertado não precisam - e não devem - impedir ninguém de viajar. Especialmente se o destino for a Espanha, um país com uma das maiores mesclas culturais da Europa e que reúne milhares de grandes monumentos, palácios, museus e obras de arte que merecem ser vistas pelo menos uma vez na vida.

Como você já sabe, hospedar-se sem pagar nada é uma realidade para os viajantes do Worldpackers, mas será que também é possível conhecer lugares incríveis gratuitamente na Espanha?

Com certeza! As possibilidades são realmente incontáveis e te garanto que tédio e falta de dinheiro não serão um problema pra quem faz trabalho voluntário por aqui. Confira algumas dicas de passeios na faixa nas principais cidades espanholas e prepare-se para uma das viagens mais inesquecíveis da sua vida!

Confira as 9 opções do que conhecer de graça durante sua viagem para a Espanha:

1. Parque Europa


Viagem para a Espanha: Parque Europa

Os mais de 230 mil m² de espaço verde e lagos navegáveis já são bastante impressionantes, mas o grande destaque do Parque Europa é que ele oferece ao visitante a oportunidade de dar uma volta por todo o continente sem sair do lugar. O local possui 17 réplicas de monumentos europeus icônicos, como a Torre Eiffel, London Bridge, Fontana de Trevi e Manneken Pis.

Apesar de serem menores do que as originais, são muito impressionantes e possuem painéis explicativos que contam suas origens. A coleção do parque se completa com um fragmento original do Muro de Berlim, cedido gratuitamente pela prefeitura da cidade alemã.

Para chegar ao Parque Europa, localizado no povoado de Torrejón de Ardoz, basta pegar um ônibus ou um trem no centro da cidade de Madrid. A viagem tem duração de menos de uma hora.

2. Ruínas romanas em Barcelona


Viagem para a Espanha: Ruínas romanas

Barcelona, muito antes de tornar-se a metrópole cosmopolita que conhecemos, era Barcino, uma cidade fortificada fundada pelo Império Romano entre os séculos 15 e 10 a.C. Com uma estrutura bastante característica, ela era rodeada por uma muralha de 76 torres e quatro portas de entrada, que protegiam centenas de casas, o Foro, as termas e um templo.

Mais de 2 mil anos depois, ainda é possível caminhar pelas ruas da cidade de Barcino e se impressionar. Suas ruínas estão muito bem conservada e abertas à visitação gratuitamente, oferecendo uma experiência bastante única aos visitantes. 

O mais legal é que tudo isso está no subterrâneo de uma das praças mais importantes da atual Barcelona, o que torna a visita ainda mais peculiar.

A entrada ao sítio arqueológico é feita pela Plaza del Rey, no único edifício do MUHBA da região. Como a sinalização não é muito clara e o endereço disponível no Google Maps te leva até às costas do museu, o ideal é perguntar em alguma das lojas do bairro como chegar lá. A visita é gratuita todos os domingos a partir das 15h.

3. Museu Jurássico de Astúrias


Viagem para a Espanha: Museu Jurássico

Há 150 milhões de anos, no período Jurássico, os maiores répteis já existentes habitavam a região de Astúrias. Hoje, nesse mesmo lugar, existe o museu com o acervo mais completo e didático sobre a Era dos Dinossauros de todo o mundo.

A visita já se mostra incrível logo na chegada, pois o museu está localizado em uma colina que oferece vistas periféricas da costa asturiana. Além disso, toda sua estrutura foi criada para que o edifício tivesse o formato de uma pegada de dinossauro e é rodeado por réplicas em tamanho real desses animais, o que torna o passeio ainda mais interessante.

A coleção do MUJA é formada por 8 mil exemplares de fósseis, divididos entre pegadas de dinossauros, restos de vertebrados, fósseis vegetais e exemplares de seres invertebrados. Para completar, existe ainda uma exposição que conta a história do planeta Terra desde sua criação até o surgimento do Homem.

entrada ao museu é gratuita às quartas-feiras durante todo o dia.

4. Templo de Debod


Viagem para a Espanha: Tempo de Debod

Você sabia que existe um pedacinho do Egito bem no centro de Madrid?

O Templo de Debod foi construído na cidade egípcia de Assuão no ano 200 a.C. em homenagem aos deuses Amón e Ísis. Muitos anos depois, com a junção do Egito ao império romano, os líderes Tibério e Augustus ampliaram as instalações do monumento e incluíram novas decorações. Assim se formava uma das mais emblemáticas construções da região do Rio Nilo.

Nos anos 60, porém, o crescimento populacional e a modernização da cidade exigiram a criação de uma nova represa, o que ocasionaria a inundação desse e de outros monumentos que estavam ali por perto. Para que isso não acontecesse, a Espanha e outros sete países ofereceram ajuda financeira para movê-los a regiões seguras, como Elefantina e Alexandria. Anos depois, em agradecimento, o governo do Egito doou o templo à Espanha, que o reconstruiu, pedra por pedra, na cidade de Madrid.

O Templo de Debod está localizado no Parque do Oeste e possui visita gratuita todos os dias.

5. Palácio Real de Madrid


Viagem para a Espanha: Palácio Real de Madrid

A residência oficial da família real espanhola foi construída no século XVIII e tem muita história para contar. Ainda que o visitante não possa entrar em todas as alas do Palácio, a visita completa demora mais ou menos duas horas e inclui vários gabinetes importantes, além de possuir uma decoração clássica bastante impressionante.

Do lado de fora, o pátio Explanada de la Almudena chama a atenção por oferecer uma vista incrível de Madrid e também de toda a fachada do Palácio Real. É ali também onde se realizam as cerimônias de troca da Guarda Real todos os dias às 11h.

A entrada ao Palácio Real é gratuita a todos os latino americanos de segunda a sexta-feira, nas últimas duas horas de visitação. Não se esqueça de levar o passaporte e consultar os horários de abertura no site oficial.

6. Parc Guell


Viagem para a Espanha: Parc Guell

Uma das maiores heranças artísticas que o arquiteto Antoni Gaudí deixou à humanidade é o incomparável Parc Guell. Criado originalmente para ser um conjunto habitacional de luxo, o complexo possui mais de 17 hectares e leva o nome de Eusebi Guell, um excêntrico milionário idealizador do projeto.

Aqui, cada casa, coluna, escada ou caminho é uma obra de arte. Gaudí levou seu estilo geométrico a todos os cantos do local, tornando-o extremamente único e surpreendentemente colorido. No total, foram 22 anos de construção até que o Parc Guell fosse inaugurado, já não mais como opção de lar, mas como um parque para a cidade de Barcelona.

Você já deve estar se perguntando como é possível que um lugar tão importante quanto esse seja gratuito, certo? Pois te digo que ele normalmente não é, mas existe um truque aqui. A entrada dos visitantes com ingresso começa às 08h no verão (08h30 no inverno), mas o parque abre as portas às 07h (08h no inverno). Se você fizer o esforço de madrugar e chegar logo quando os portões abrirem, poderá entrar no parque gratuitamente, tirar fotos sem filas e ainda presenciar o grande espetáculo que é ver o sol nascendo sobre a cidade de Barcelona.

7. Laberint d'Horta


Viagem para a Espanha: Laberint d'Horta

Esse passeio vale a pena não só pela beleza, como também pelo desafio. O nome desse belíssimo jardim se traduz do catalão como "O Labirinto da Horta" e é exatamente isso que ele é: uma enorme confusão de caminhos feitos de arbustos, onde você precisará desafiar-se para conseguir sair. No caminho, você encontrará centenas de estátuas mitológicas, fontes, mananciais e outras obras de arte.

Não há registros de quando a enorme mansão que está junto aos jardins foi construída, mas sabe-se tem mais de 300 anos e recebeu visitas ilustres, como a do casal real Don Carlos IV e Maria Luísa de Bourbon e a do Rei Fernando VII. Pertencente ao nobre Marquês de Llupià, a propriedade também já foi cenário cinematográfico, como no filme “O Perfume”.

A entrada ao Laberint d'Horta é gratuita aos domingos durante todo o dia.

8. Passeio das Artes de Madrid


Viagem para a Espanha: Passeio das Artes

Os três maiores museus de arte do país encontram-se em Madri, a poucos passos de distância entre um e outro, formando o Passeio das Artes. Para a sorte dos viajantes sem muita grana pra gastar, dois deles oferecem entrada gratuita e uma infinidade de obras importantes para ver.

O Museu do Prado foi fundado em 1819 e é um dos mais importantes de todo o mundo, contando com uma coleção de 8600 quadros e mais de 700 esculturas. Seu acervo é majoritariamente formado por obras clássicas de pintores e escultores europeus como Velazquez, Goya, Caravaggio e Greco. Esse também é o lugar onde mais se restaura e conserva obras de arte espanholas. A entrada ao Museu do Prado é gratuita de segunda a sábado de 18h às 20h e aos domingos e feriados das 17h às 19h.

Já o Museu Reina Sofia reúne as obras de arte contemporânea mais importantes da Espanha. Em seu acervo é possível encontrar peças criadas por Miró, Salvador Dalí e até mesmo Picasso. Além disso, seu próprio edifício também é uma obra de arte, idealizada pelo arquiteto Francisco Sabatini e que abrigava o antigo Hospital Geral de Madri. O acesso ao Reina Sofia é gratuito à segundas e de quarta à sábado das 19h às 21h e aos domingos das 13h30 às 19h.

9. Laguna Rosa


Viagem para a Espanha: Laguna Rosa

Situada no Parque Nacional de las Lagunas de La Mata, na província de Alicante, a Laguna Rosa é o grande destaque entre os 3.700 hectares de paisagens naturais. Sua cor é proveniente de uma proteína que se fixa nas bactérias presentes na água, resultando em uma paisagem bastante única e impressionante.

Além da cor peculiar, a lagoa também chama a atenção porque está localizada em uma região que possui grande quantidade de sal, que forra por completo o fundo e as margens da lagoa. Ali ainda é possível admirar diversas espécies de animais, como flamingos e esquilos.

A entrada ao Parque Nacional de Lagunas de La Mata é gratuita todos os dias.

Esta lista está beeeeem longe de estar completa, já que no país existem milhares de passeios gratuitos e lugares incríveis. O que mais você acrescentaria para conhecer em uma viagem para a Espanha? A sua dica pode ser meu próximo destino e o de muitos outros viajantes também!


5c3ac302eb4c22f28c43744a1174b392

Dez 10, 2018

Half Brazilian, half Spanish, completely into discovering the world. I left my Public Relations career behind in March 2017 to start traveling and ...


Gostou? Não esqueça de deixar Estela saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor