Opções para quem procura o que fazer na Colômbia

Engana-se quem pensa que não é possível ir à Colômbia sozinha. Eu mesma tinha muito medo e preconceito, como contei nesse artigo sobre como viajar sozinha, mas minha curiosidades foi maior do que meu medo e eu não só fui até a Colômbia, como passei seis lindos meses naquele país inesquecível.

Hoje posso falar sem sombra de dúvidas que, de todos os lugares que conheci, a Colômbia definitivamente ocupa o maior espaço do meu coração.

Quando pensamos no país, nosso primeiro pensamento são os perigos, a violência, o tráfico... Mas tudo isso é uma história que ficou no passado, dando lugar a um país rico em cultura, em pessoas, em sabores (principalmente do cafezinho) e em clima!

Na maior parte do país o clima predominante é tropical e úmido, mas algumas regiões têm características bem marcantes, como Cartagena, onde praticamente cem por cento do ano faz calor extremo, afinal, é o Caribe, certo? 

1. O que fazer na Colômbia: Bogotá

O que fazer na Colômbia: Bogotá

A cidade de Bogotá, capital da Colômbia, fica a mais de 2.600 metros do nível do mar e sempre tem um clima fresco muito agradável (exceto pelas temporadas de chuvas constantes, onde pode chover seis dias diretos sem trégua - eu sei bem o que é isso).

Aliás, Bogotá é um bom lugar para começar sua viagem se você estiver chegando de avião. Apesar de ser grande, a cidade não perde seu charme graças às construções de tijolinhos escuros, como uma Londres mais "latina". 

Lá, apesar de não ter metrô, coisa que é motivo de manifestações e revolta dos moradores, o sistema de ônibus, apesar de lento, funciona muito bem. Com ele é possível chegar a qualquer ponto turístico da cidade e ainda percorrer bairros charmosos e regiões elegantes.

Minha dica de coisas que não se pode deixar de conhecer em Bogotá é: Cerro Monserrate, onde você pode subir de bondinho, teleférico ou caminhando. Igreja de sal, que fica há alguns quilômetros e é preciso ir ao terminal rodoviário para pegar o ônibus até lá, e também o centro histórico chamado La Candelária.

Não deixe de provar Chicha, uma bebida típica dos antigos povos, e faça o tour do café, você vai ficar impressionado com tanta história! Se você é fã de museus, também vai amar a quantidade que há para explorar por ali, sem contar as antigas igrejas coloniais!

2. O que fazer na Colômbia: Medellín

O que fazer na Colômbia: Medellín

Apesar da quantidade de coisas para fazer em Bogotá, existem outras cidades que também são super interessantes por suas histórias. O caso de Medellín, que antigamente era considerada uma das regiões mais perigosas do mundo e hoje em dia ganha vários prêmios de cidade modelo por sua reestruturação em todas as áreas sociais e econômicas, além do avanço tecnológico na qual recebeu um investimento pesado.

Aliás, o sistema de trem da cidade é modelo de inspiração para várias outras cidades e funciona de uma maneira incrível, que é inclusive interligado com uma rede de teleféricos, chamada Metrocable, que levam moradores e turistas à regiões mais montanhosas, onde é possível ver casas e reservas ecológicas de tirar o fôlego, como o caso do parque Arví, que fica a quase 5.000 metros de altitude.

Próximo à Medellín também tem algumas atrações imperdíveis, como o povoado de Guatapé e a Piedra del Peñol. Os dois ficam lado a lado e é possível fazer o passeio durante um dia inteiro, você vai se apaixonar por uma das paisagens mais incríveis de toda a América do Sul, mas prepare as pernas: a subida da pedra é feita a pé e ela tem 744 degraus!

3. O que fazer na Colômbia: Cartagena

O que fazer na Colômbia: Cartagena

Outra região que precisa ser explorada em sua viagem à Colômbia é Cartagena, mas não se prenda apenas à cidade mais famosa dali. Em três dias é possível recorrer tudo e já ficar entediado, as praias da cidade são de água escura e sem muita graça, bem o oposto do que estamos acostumados a ver quando buscamos o destino no Google.

O ideal é aproveitar para conhecer um pouco mais acima: Barranquilla (que ficou famosa por ser a cidade de nascimento da Shakira), Santa Marta, Tayrona e, se você tiver dinheiro sobrando, San Andrés. Essas quatro, sim, são praias que realmente valem muito a pena ficar um pouco mais para poder admirar com calma a beleza deslumbrante do mar azul e dar lindas palmeiras entortadas pelos fortes ventos.

Outras cidades muito famosas dentro da Colômbia são Cali, pela forte cultura da salsa, Armênia, Bucaramanga e Pasto. 

Antes de querer correr para conhecer tudo, recomendo que fique um pouco mais nos destinos que citei antes, não só para absorver o máximo de cultura e beleza desses lugares, mas também para fazer amizade com pessoas locais e descobrir como os colombianos são pessoas incríveis, amáveis e ótimos amigos!


Ea3dc39ca0b2f6b5f17abddec1f0e9a4

Nathalia

Eu viajo. É disso que eu vivo e eu vivo para isso. Não posso imaginar minha vida de outro jeito ...

+ Ver mais

Ago 20, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Nathalia saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor