Quer uma passagem de até US$500 grátis?
Envie sua resposta até 31/07 e tenha a chance de ser premiado.

Como fazer intercâmbio? Descubra 4 maneiras de viver essa experiência

Pensando em fazer intercâmbio? Confira este guia com as melhores maneiras de como fazer intercambio, desde as mais tradicionais até as mais autênticas e econômicas.

Bárbara Nicoli

Mar 28, 2024

7min

como-fazer-intercambio

Muitos brasileiros sonham em sair do país e explorar o mundo. E a boa notícia é que hoje em dia está mais fácil conhecer um novo país de perto. Existem várias maneiras de como fazer intercâmbio, e cada programa tem suas próprias características. 

Neste texto, vou te apresentar 4 maneiras diferentes de fazer intercâmbio (inclusive grátis) e transformar essa experiência em algo inesquecível!

4 maneiras de como fazer intercâmbio

Além dos intercâmbios tradicionais, organizados por agências, escolas e universidades, existem maneiras alternativas de como fazer intercâmbio. Essas opções podem ser muito mais econômicas. Confira abaixo as particularidades de cada uma:

1. Por agência

No intercâmbio por agência, você conta com uma equipe de profissionais especializados em intercâmbio. Eles podem te auxiliar desde a seleção do destino ideal até orientações sobre visto, acomodação e transporte. 

Geralmente, a agência apresenta opções de cidades e tipos de acomodação, permitindo que você escolha o que melhor se alinha ao seu perfil.

Os intercâmbios oferecidos por agências têm foco educacional e abrangem diversos objetivos, como aprender um novo idioma, realizar cursos profissionalizantes, pós-graduações e até mesmo cursar um semestre do ensino médio ou da faculdade em outro país.

Essa é a maneira mais tradicional de realizar uma viagem internacional. Contudo, também é o jeito mais caro, visto que existem muitas pessoas planejando a viagem para você. Se você está procurando como fazer um intercâmbio de uma maneira prática e segura, sem se importar com o valor a desembolsar, esse é o jeito ideal.


Como fazer intercâmbio: agência

2. Pela universidade

Intercâmbio universitário ocorre quando você estuda por um ano ou semestre em outra universidade ao redor do mundo, como parte do seu curso. Isso é viabilizado por acordos entre universidades brasileiras e estrangeiras, muitas vezes por meio dos departamentos de mobilidade acadêmica ou relações internacionais.

As universidades e os países parceiros de uma instituição de ensino brasileira apresentam ampla diversidade. Portanto, é crucial manter-se atento e verificar se a universidade de destino oferece a chance de estudar o seu curso específico lá. Além disso, é importante avaliar as condições do acordo entre a sua universidade no Brasil e a instituição estrangeira.

Nesses programas, é possível conseguir bolsas de estudo que ajudam a custear as despesas com moradia em outro país. Anualmente, as universidades lançam editais com todas as regras e pré-requisitos para conseguir as bolsas.

Cursar a faculdade ou parte dela em outro país é um grande diferencial na construção de uma carreira profissional. Porém, nesse tipo de intercâmbio, é necessário ter o domínio do idioma para conseguir cursar na universidade escolhida.


Como fazer intercâmbio: universidade

3. Por conta própria (entrando em contato com escolas de idiomas)

Realizar um intercâmbio por conta própria para aprender um novo idioma é uma maneira de economizar bastante. Além disso, torna a experiência mais informal e autêntica, já que você mesmo planejará a viagem de acordo com o seu estilo.

Claro que essa opção exigirá um investimento significativo de tempo, uma vez que você precisará pesquisar sobre o país de destino, identificar quais documentos são necessários para a viagem e selecionar uma escola adequada para o seu curso.

As embaixadas e consulados geralmente possuem uma lista de escolas de idiomas credenciadas por órgãos governamentais, o que pode facilitar a obtenção de um visto. Além disso, verificar a opinião de alunos e ex-alunos é útil para evitar problemas (grupos no Facebook são boas fontes de pesquisa).

Você pode escolher estudar na capital ou em povoados mais afastados dos centros urbanos. Se você está procurando como fazer intercâmbio barato, uma forma de economizar ainda mais é optando por lugares alternativos, como África do Sul (para o inglês) e Argentina para aprender espanhol.

Outra tarefa do seu planejamento de intercâmbio é escolher o tipo de hospedagem, que pode ser um apartamento com outros estudantes, um hostel, uma casa de família ou então optar por alugar um lugar inteiro só para você.


Como fazer intercâmbio: por conta própria

4. Pela Worldpackers

Outra maneira de realizar um intercâmbio é através da plataforma Worldpackers, onde é possível fazer trabalho voluntário. Essa plataforma está presente em mais de 140 países, oferecendo uma variedade de tipos de anfitriões, incluindo ONGs, projetos ambientais, acampamentos de surfe, colivings, hostels, centros holísticos, entre tantos outros.

O intercâmbio pela Worldpackers é um um modo de como fazer intercâmbio gastando pouco, já que você recebe a acomodação em troca de trabalho. Em alguns casos, os anfitriões também oferecem refeições e outros benefícios.

Nesse tipo de programa, você vai aprender ou aprimorar um idioma sem estar em uma escola tradicional. O aprendizado ocorre no dia a dia, através da imersão em uma nova cultura.

Além disso, é possível desenvolver novas habilidades, como aprender sobre bioconstrução e permacultura, no caso de se voluntariar em um projeto ecológico.


Como fazer intercâmbio: worldpackers

Leia mais sobre como fazer intercâmbio gastando pouco: 

Como fazer intercâmbio de graça?

Como já foi mencionado, ao contrário dos intercâmbios tradicionais nos quais é necessário pagar pela estadia em outro país e geralmente por algum curso, no intercâmbio pela Worldpackers você troca as suas habilidades por acomodação e outros benefícios.

Realizar um intercâmbio através da comunidade da Worldpackers é muito seguro por diversos motivos. Por exemplo, ao buscar um anfitrião, você tem acesso a avaliações de outros viajantes que já tiveram a experiência e, inclusive, pode entrar em contato com eles para esclarecer suas dúvidas.

O objetivo da plataforma é proporcionar a todos os membros experiências tranquilas e transformadoras. Por isso, a Worldpackers disponibiliza seguro e suporte. Se algo não sair conforme o combinado com o anfitrião previamente e você precisar interromper sua experiência, a plataforma ajudará você a encontrar um novo voluntariado e, se necessário, reembolsará os custos de acomodação em outro lugar.

O funcionamento é bastante simples: o primeiro passo é tornar-se membro e criar um perfil completo com suas informações pessoais. Em seguida, você pode se candidatar a quantos anfitriões desejar.

Você pode utilizar diversos filtros para simplificar a sua busca, tais como procurar por um destino específico, pelo tipo e objetivo da viagem, pelas suas habilidades, pelo tipo de anfitrião e/ou pela forma como deseja contribuir.


Como fazer intercâmbio gastando pouco

Vou apresentar alguns exemplos de oportunidades de intercâmbio ao redor do mundo para inspirá-lo. Dê uma olhada:

Na Cidade do Cabo, na África do Sul, é possível colaborar na recepção de um hostel, enquanto aproveita os dias de folga para desfrutar das praias e montanhas locais. Essa é uma chance de aprimorar o seu inglês sem necessidade de custear uma escola de idiomas no exterior.

E se o seu objetivo for aprender espanhol, você pode se voluntariar em Humahuaca, na Argentina. Lá, você ajudará com tarefas domésticas enquanto pratica muito espanhol e desfruta das montanhas coloridas da província de Jujuy.


Como fazer intercâmbio: oportunidades pelo mundo

E se o plano é aprender italiano, existem diversas oportunidades na Itália, incluindo uma vaga em uma Guest House em meio à natureza, com vista para o Lago de Garda e bem próxima das praias da Província Autônoma de Trento. Nesse ambiente, o voluntário também pode participar dos retiros e aulas de yoga oferecidos pelo anfitrião.

Na França, é possível participar de um intercâmbio em um projeto de permacultura, onde, além de aprender sobre esse tema, terá a oportunidade de aperfeiçoar o seu francês. Nesse programa, os voluntários recebem todas as refeições, bebidas gratuitas, lavanderia gratuita e podem utilizar as bicicletas da propriedade à vontade.



Essas são apenas algumas das milhares de vagas espalhadas pelo mundo. Não faltam oportunidades para você que está procurando como fazer intercâmbio gastando pouco. Crie um perfil gratuitamente na plataforma da Worldpackers e comece a salvar as suas vagas favoritas!

Leia também:

Perguntas comuns sobre como fazer intercâmbio

Fazer um intercâmbio traz várias experiências interessantes e oportunidades, mas é importante planejar-se bem para garantir que aproveite ao máximo a jornada. Veja abaixo algumas perguntas comuns de quem procura saber como fazer intercâmbio:

Vale a pena fazer intercâmbio?

Fazer intercâmbio é uma vivência única e especial, ainda mais quando você aproveita todas as vantagens que essa experiência pode proporcionar. Afinal, é muito mais do que conhecer um novo país, o intercâmbio lhe permite estudar outro idioma, desenvolver novas habilidades, além de conhecer e vivenciar a cultura e costumes de diversos lugares. É uma experiência super válida!

Quanto custa fazer intercâmbio?

O custo de um intercâmbio varia bastante dependendo da opção escolhida e do destino. Os programas mais caros são os organizados por agências especializadas, que podem custar a partir de 20 mil reais por trimestre.

Já na opção de intercâmbio por conta própria, quando você mesmo planeja toda a sua viagem, desde a contratação da escola de idiomas até a acomodação, o custo da viagem pode diminuir mais de cinquenta por cento desse valor.

Enquanto nos intercâmbios pela Worldpackers,  como não é necessário gastar com hospedagem nem com cursos de idiomas, a viagem se torna muito mais econômica. Por exemplo, ao optar por um anfitrião que ofereça todas as refeições, o intercâmbio passa a ter uma única despesa: o transporte para o destino escolhido.

Quais os principais destinos de intercâmbio?

Os principais destinos para os intercâmbios organizados por agências e universidades são Estados Unidos, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Malta, Irlanda e Inglaterra. 

Por outro lado, os intercâmbios independentes e pela Worldpackers abrangem destinos bastante variados, incluindo países como África do Sul, Argentina, México, Peru, Costa Rica, França, Itália e Espanha.


Como fazer intercâmbio: principais dúvidas

Ficou com alguma dúvida sobre como fazer intercâmbio? Conhecer diferentes lugares, pessoas e culturas pode proporcionar uma experiência incrível, enriquecedora tanto para a vida pessoal quanto profissional. Aproveite essas dicas e comece a planejar o seu intercâmbio!

E se quiser aprender mais sobre planejamento na sua viagem, assine o plano pack na WP e tenha acesso ilimitado a +120 cursos na Worldpackers Academy, a maior escola de viajantes para viajantes!



Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor

Mais sobre esse tema