Como viajar de graça: conheça o mundo sem dinheiro com essas dicas

Já deixou de viajar porque estava sem dinheiro? Descubra como viajar de graça e se prepare para viver experiências incríveis pelo Brasil e pelo mundo.

B5c8745ef26bbf9848554b2a68e3b084

Thaís

Nov 30, 2021

9min

como viajar de graça

O padrão de gastos dos brasileiros em viagens costuma ser alto, e por isso muita gente pensa que viajar é sempre caro. Mas esse é um grande engano! Neste artigo, vou contar como viajar de graça e te mostrar que é possível não só conhecer lugares incríveis, mas também viver experiências inesquecíveis sem gastar praticamente nada.

Além de ser mesmo uma necessidade para quem tem o orçamento apertado, viver viajando com pouco dinheiro ensina muito. Quando a grana está limitada, nossa tendência é conviver mais com as pessoas do lugar, sair da zona de conforto e usar a criatividade para encontrar alternativas. E isso é maravilhoso para quem quer usar viagens como ferramentas de aprendizado.

Uma das principais formas de economizar em viagens é escolher cidades baratas para visitar, mas você pode conseguir transporte e hospedagem grátis mesmo em destinos caros. Continue lendo para saber como viajar sem dinheiro.

Como viajar de graça: transporte grátis

Se você já viajou ou montou um orçamento de viagem, sabe que um dos maiores gastos costuma ser com a locomoção, tanto para chegar no destino quanto para circular por lá. Mas sabia que é possível viajar de avião, ônibus ou carro sem gastar nada? Olha só as principais formas de fazer isso:

Viajar de avião de graça de carona com a FAB

A Força Aérea Brasileira (FAB) é propriedade do Governo Federal, paga com nossos impostos, e consequentemente é um bem público. Por conta disso, qualquer cidadão brasileiro que esteja residindo em território nacional pode viajar gratuitamente em um de seus aviões.

Os aviões da Força Aérea são usados para transportar soldados, encomendas dos Correios, equipes em missões específicas (treinamentos, salvamentos e patrulhamentos) ou equipamentos. E quando sobram vagas em um de seus voos, as mesmas são oferecidas à população.

Tenha em mente que se você decidir viajar em um dos aviões da FAB estará sujeito à disponibilidade de vagas e de voos para o destino escolhido. 

Mas como viajar de graça com a FAB?

1. Se cadastrar

A primeira coisa que você precisa fazer é se cadastrar. Para isso, vá na Base Aérea da sua cidade e procure o Correio Aéreo Nacional (CAN). Leve os documentos necessários (RG, CPF e comprovante de residência) e tenha um destino em mente, mas uma boa dica é perguntar ao atendente para qual destino costumam sobrar mais vagas.

Confira a lista das unidades do CAN (esses são também os destinos disponíveis):

  • Região Sul: Canoas/RS, Florianópolis/SC, Santa Maria/RS 
  • Região Sudeste: Pirassununga/SP, São Paulo/SP, Rio de Janeiro/RJ
  • Região Centro-Oeste: Brasília/DF, Campo Grande/MS,
  • Região Norte: Belém/PA, Boa Vista/RR, Manaus/AM, Porto Velho/RO
  • Região Nordeste: Fortaleza/CE, Natal/RN, Recife/PE, Salvador/BA

2. Aguardar o e-mail de confirmação

Feito o cadastro,  é só aguardar o e-mail de confirmação. Fique de olho na sua caixa de e-mail e spam, porque se aparecer alguma vaga em um voo para o seu destino, você receberá as informações com dia e horário.

Importante: após o cadastro você tem até 10 dias para receber esse e-mail, podendo ser chamado a qualquer momento. Então tenha dias e horários flexíveis e esteja pronto para viajar! 

Além disso, cada inscrição vale apenas para um voo. Se você tiver interesse em um voo de volta, será necessário realizar um novo cadastro. E caso não receba o e-mail de confirmação dentro do prazo de 10 dias, você terá que realizar a inscrição novamente.

Viajar de avião de graça resgatando milhas aéreas 

De duas, uma: ou você já viajou usando as suas milhas ou conhece alguém que fez isso. Hoje em dia, só não tem milhas quem não quer, porque existem diversas formas de acumulá-las e viajar de graça por aí. Mesmo que você nunca tenha viajado de avião, pode aproveitar os programas de fidelidade, por exemplo.

Os programas de fidelidade são formas que algumas empresas encontraram para fidelizar clientes, fazendo com que eles sigam comprando seus produtos ou serviços em troca de benefícios. Para isso, elas os presenteiam com pontos de acordo com o valor gasto e permitem que esses pontos sejam trocados por milhas, viagens, diárias, descontos, outros produtos e muito mais.

Basicamente, você pode acumular pontos utilizando o seu cartão de crédito e comprando em lojas parceiras do seu programa de fidelidade. Então, verifique se já está habilitado a acumular pontos através do cartão de crédito do seu banco e se cadastre em um plano de fidelidade. Depois é só decidir o destino, trocar seus pontos por milhas e escolher a sua passagem!

E se não conseguir viajar de avião de graça, veja como comprar passagens aéreas baratas o ano todo.



Leia também:

Como viajar de ônibus de graça 

De acordo com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), as prestadoras de serviços de transporte coletivo devem reservar, para cada ônibus ou comboio ferroviário de serviço convencional de transporte interestadual de passageiros de suas linhas regulares, duas vagas gratuitas e duas vagas com desconto mínimo de 50% destinadas aos portadores do ID Jovem.

  • O que é o ID Jovem? Um documento que possibilita vagas gratuitas ou com desconto no sistema de transporte coletivo interestadual, além de acesso a meia-entrada em eventos artístico-culturais e esportivos.
  • Quem tem direito ao ID Jovem? Brasileiros entre 15 e 29 anos, estudantes ou não, inscritos no Cadastro Único do Governo Federal, com renda familiar de até dois salários mínimos. 
  • Onde posso fazer? Você pode gerar o documento através do site ou aplicativo ID Jovem.

Para viajar de forma gratuita ou obter o desconto de 50% com o ID Jovem, é necessário solicitar um bilhete de viagem em um dos pontos de venda da transportadora com no mínimo três horas de antecedência em relação ao horário previsto de partida. 

Nesse caso, você também pode solicitar um bilhete de viagem de retorno. Mas atenção: não é possível fazer reserva em mais de um horário para o mesmo dia e mesmo destino. 

Como viajar de carro de graça

"Nem de avião, nem de ônibus, quero mesmo é ir de carro." Então que tal pegar uma carona? Essa é uma ótima opção quando o tempo não é uma questão na sua viagem, porque quando o assunto é carona, a única certeza é a incerteza. A duração do seu trajeto vai depender do lugar, da hora e da boa vontade de outros motoristas.

Também é ótimo pegar carona em viagens quando você já chegou no seu destino e quer se locomover pela cidade ou visitar atrações um pouco mais distantes. Em algumas cidades, como Ouro Preto (MG), é muito comum ver pessoas pedindo carona na rua, principalmente estudantes. 

E além de pegar caronas da forma tradicional, você pode usar aplicativos de carona compartilhada. Esse jeito de viajar não apenas é mais econômico como também mais sustentável!


Fiz muitos amigos pegando carona na Chapada Diamantina, e na estrada, conheci o Léo, que pretendia ir até ao extremo sul da Patagônia, em Ushuaia, pedindo carona e caminhando, e sim, ele conseguiu! (obs: ele que tirou a foto)

Leia também:

Como viajar de graça: hospedagem grátis 

Em muitos destinos, especialmente em alta temporada, finais de semana e feriados prolongados, a hospedagem pode ser a parte mais cara do seu orçamento. Mas não se preocupe: é possível viajar sem pagar pela acomodação - e ainda ganhar outros benefícios.

Minhas duas plataformas de acomodação gratuita preferidas são a Worldpackers e o Couchsurfing, que já me proporcionaram experiências inesquecíveis mundo afora.

Hospedagem de graça pela Worldpackers

Através da Worldpackers, você pode se hospedar de graça no mundo todo, seja numa viagem de poucos dias ou vários meses, em troca de algumas horas de trabalho. 

A Worldpackers é uma comunidade colaborativa que conecta viajantes e anfitriões através do intercâmbio voluntário de habilidades por hospedagem em hostels, casas de família, ONGs, comunidades, projetos ecológicos e mais. 

Basicamente, você trabalhará algumas horas por semana e em troca receberá acomodação e possivelmente outros benefícios como refeições, uso de bicicleta, cozinha e lavanderia e passeios gratuitos.

O tipo de trabalho varia de acordo com o anfitrião que você escolher, mas as funções que terá que cumprir e os benefícios que lhe serão oferecidos ficam descritos no perfil do host na plataforma

Olha só alguns exemplos de vagas:

A pesquisa de vagas pode ser acessada gratuitamente, mas é preciso pagar uma taxa para se inscrever numa delas. A boa notícia é que essa inscrição permite viajar quantas vezes você quiser por um ano, e o valor "se paga" em poucos dias de viagem, considerando a economia que vai fazer com hospedagem.

E se engana quem pensa que o voluntariado é apenas uma boa maneira de viajar de graça. Essa também é uma ótima opção para quem está querendo viver uma imersão cultural, testar suas habilidades e desenvolver novas, ao mesmo tempo em que colabora e troca experiências com anfitriões e contribui com a comunidade local.

Também é uma forma de entender diferentes culturas, conhecer novas pessoas e explorar a vida que existe fora da zona de conforto.

Olha só o passo a passo para viajar com hospedagem grátis pela Worldpackers:

  1. Crie um perfil na plataforma: cadastre-se no site e preencha suas informações com atenção. Fale sobre você, suas habilidades, experiências e interesses. O seu perfil é como se fosse seu currículo, e servirá quando enviar solicitações para anfitriões e também para que eles lhe encontrem. Seja transparente e honesto, para criar conexões verdadeiras.
  2. Escolha um anfitrião: utilize os filtros de busca do site para facilitar sua pesquisa e leia atentamente a descrição das vagas, o perfil do anfitrião e as avaliações de outros viajantes que já passaram por lá. Leve em consideração o que aquele anfitrião está procurando e o que você gostaria de fazer; essa identificação mútua é muito importante para garantir uma boa experiência durante a sua estadia.
  3. Envie solicitações: faça sua inscrição para as vagas e conte um pouco mais sobre você, sua viagem, suas expectativas, por que escolheu o anfitrião e por que acredita ser um bom candidato para a vaga, e o que mais achar importante. Aproveite também para tirar as suas dúvidas.
  4. Confirme a sua viagem: foi aprovado para uma vaga e curtiu a proposta do anfitrião? Está na hora de confirmar a sua viagem!

Hospedagem de graça pelo Couchsurfing

O Couchsurfing é uma comunidade online onde você pode se conectar com pessoas de diferentes lugares do mundo que estão dispostas a te hospedar de graça. Atualmente é necessário pagar uma contribuição mensal (R$9,50) ou anual (R$46,90) para ter acesso à plataforma e se conectar com os anfitriões.

A proposta é promover uma troca de experiências cultural entre os moradores locais e turistas. Utilizei o Couchsurfing durante o meu mochilão pela Europa, e em Verona, na Itália, tive a sorte do meu anfitrião ser um guia turístico! Acabei ganhando hospedagem e um tour pela cidade. 

O processo para usar o Couchsurfing é parecido com o da Worldpackers: crie um perfil na plataforma, pensando em como torná-lo interessante para que os anfitriões queiram lhe hospedar; leia os perfis dos anfitriões com atenção e escolha alguém com quem se identifique; e envie solicitações para essa(s) pessoa(s) contando sobre você, sua viagem, por que quer se hospedar na casa dela etc.

Além de ser uma forma de conseguir hospedagem grátis, muitas pessoas também utilizam a comunidade apenas para se conectar com outros viajantes, fazer amizades e aprender uma nova língua. Através do site e do aplicativo você pode combinar encontros em bares, passeios, trilhas, entre outras coisas.

Dicas de experts para economizar na viagem 

Gostou dessas dicas de como viajar de graça? Então aproveite para conferir os cursos de planejamento e economia na viagem da Worldpackers Academy, plataforma de aulas online da Worldpackers.

Lá você encontra vídeo-aulas gravadas por viajantes experientes, que explicam como encontrar passagens baratas para viajar, como calcular e controlar seus gastos na viagem, como usar milhas e programas de fidelidade, como fazer um roteiro de mochilão e como pegar carona na estrada com segurança, entre várias outras dicas.



Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor

Mais sobre esse tema