Worldpackers_Espanha

Em 2017 fui worldpacker por duas semanas na sul da Espanha. Foi uma experiência fantástica e desde que voltei muita gente me pergunta quanto eu gastei nessa brincadeira. Então aqui organizei todos os meus gastos, para quem sabe ajudar mais gente a se aventurar por esse mundão.

1) Passagem aérea
Saindo de São Paulo, eu paguei R$3.300 numa passagem para Málaga com escala em Madri. Isso no mês de junho, que já é alta temporada na Europa. Dá para encontrar passagens mais baratas em meses mais frios, por exemplo. Em março, o mesmo trecho pode sair por R$2.900.
Eu comprei a passagem pelo site Skyscanner, mas sempre pesquiso em todos esses antes de comprar:
Voopter
Max Milhas
Kiwi
Viajanet, já que alguns dos sites estrangeiros não deixam dividir o valor no cartão de crédito.

2) Seguro viagem
Essa é uma das daquelas coisas que a gente compra esperando não ter que usar. Eu recomendo o seguro do WorldNomads. A cobertura mínima para entrar na Europa é de EUR 30.000. Por 17 dias de viagem, saiu por R$208,00. Ou seja, R$12 por dia para ter a tranquilidade de saber que se eu ficasse doente ou me machucasse, estaria protegida contra ter que pagar quantias absurdas num hospital. E claro, assim mamãe fica tranquila também. :)

3) Transporte
Existem diversas formas de se movimentar na Europa: avião, trem, ônibus, carona… Muitas opções estão disponíveis e para ter uma visão clara de qual é a melhor, eu uso dois sites:
Rome2Rio
GoEuro

Eles te mostram a rota mais barata, mais rápida e mais inteligente. Só não incluem compartilhamento de automóveis, então eu sempre dou uma olhada no BlaBlacar, que é bem popular por lá.
Para você ter uma ideia, quando eu cheguei no aeroporto de Málaga, paguei EUR 7 no ônibus para ir até a rodoviária de Marbella, onde minha querida anfitriã me buscou. O lugar onde eu fiquei era um pouco afastado da cidade, então tinha que tomar um ônibus (EUR 1,18) para ir e voltar de Marbella ou do vilarejo mais próximo. Um táxi custava uns EUR 25. Ficava baratinho quando íamos em quatro pessoas!

4) Supermercado
Minha anfitriã não oferecia nenhuma refeição, mas me levou ao supermercado para eu comprar alimentos e ofereceu uma cozinha toda equipada para eu preparar comida. Para duas semanas, eu gastei EUR 90 no supermercado. E claro, incluindo muita sangría!

5) Restaurantes e bares
A Espanha tem uma coisa maravilhosa que se chama “tapas”. É super comum, super simples e uma delícia. Alguns lugares ainda te dão (sim, grátis) uma porção de tapas quando você pede uma bebida, seja uma cerveja, uma sangría ou mesmo um refri. Ou seja, dá para jantar bem por menos de EUR 10.
Um copo de cerveja sai por volta dos EUR 3 - 5, dependendo do bar.

6) Viagens de fim de semana
Nos meus dias livres, eu adorava explorar a região. Quem estiver no sul da Espanha, TEM que visitar Granada. Eu estava a umas 2h da carro de lá e peguei um BlaBlacar. Ida e volta deu EUR 37.
O hostel onde eu fiquei (que também está na Worldpackers) custou EUR 17 a diária, com café-da-manhã incluído e uma vibe muito legal.
O ingresso para visitar a Alhambra, a principal atração de Granada é EUR 14 e vale cada centavo.

Resumão:

- Passagem aérea ida e volta na alta temporada: R$3.300
- Seguro viagem: R$208
- Transporte: R$213
- Supermercado: R$345
- Restaurantes e bares: R$404
- Viagem de fim de semana: R$327

TOTAL: R$4.797
Valor por dia (17 no total): R$282
*Valor em reais na cotação do euro turismo a 3,85.

Se eu tivesse que ter pagado a acomodação, eu teria que adicionar mais R$1.200 nessa conta!

Infelizmente eu só tinha 17 dias de férias para curtir a Espanha, mas gostei tanto da experiência que já decidi que vou voltar! Viajar como worldpacker possibilitou que eu conhecesse melhor a região, as pessoas e a ter uma vivência bem mais autêntica e muito mais barata do que se eu tivesse ido como uma turista normal.



5ba4569023967183263586c34261c4f2

Camila

Já está com o pé na estrada para uma grande viagem ao redor do mundo em 2018. Já foi worldpacker ...

+ Ver mais

Ago 22, 2018


Gostou? Não esqueça de deixar Camila saber :-)


Deixe seu comentário aqui

Escreva aqui suas dúvidas e agradecimentos ao autor